Dilma vive a “síndrome de Robespierre”

17 de novembro de 2014 § 16 Comentários

a4

Pedro Barusco, assessor de Renato Duque que é preposto de Zé Dirceu, o ex-braço direito de Lula, entrou na delação premiada e vai devolver à Petrobras US$ 97 milhões (R$ 252 milhões) encontrados em uma de suas contas no exterior. Renato Duque, chefe de Barusco, foi o titular da Diretoria de Serviços da Petrobras e é tido como o “operador do PT” no saque organizado à maior empresa do Brasil.  Se o quarto da fila, seu assessor, tem isso numa conta pode-se imaginar até que profundidade alcança esse iceberg.

Continuam foragidos Adarico Negromonte Filho, o irmão de Mário, ex-ministro das Cidades da “faxineira” Dilma, que transportava dinheiro em malas para o doleiro Youssef lavar e operava a cota do PP de Paulo Salim Maluf, cabo eleitoral, com Lula, do atual prefeito Fernando Haddad de São Paulo, no “Clube” dos assaltantes da Petrobras, como era chamado pelos diretores das 9 empreiteiras que faziam parte desse seleto grupo, assim como Fernando Soares “Baiano”, tido como o “operador” do PMDB. Do PMDB latu sensu, isto é, porque os figurões mais graudos desse partido, como Renan Calheiros por exemplo, mantinham operadores e diretorias inteiras só para sí, como era o caso de Sergio Machado e da Transpetro onde movimentavam-se valores tão importantes que a Pricewaterhouse declarou ao mercado que não podia auditar o balanço da empresa enquanto Machado permanecesse lá dentro.

a7Duque

Dezessete diretores das maiores empreiteiras do Brasil já estão presos e ha ainda 6 sendo procurados pela polícia, mas a “fase política” da Operação Lava Jato ainda nem começou. E nem bem passaram três dias dormindo no chão de uma cela de um presídio de Curitiba e vários desses diretores, um dos quais foi ao Paraná em seu proprio jatinho para entregar-se à polícia, já pediram o benefício da delação premiada.

Eram todos “intocáveis“…

Nesse meio tempo, além da Price, dois governos estrangeiros com legislações anticorrupção com alcance internacional – o dos Estados Unidos e o da Holanda – já identificaram positivamente casos de aceitação de suborno de companhias nacionais suas por funcionários da estatal brasileira de cuja diretoria geral Dilma Rousseff resiste a remover Graça Foster, aquela cujo marido detém 42 contratos só dele com a Petrobras.

Brasília treme; Brasília não dorme…

a00Barusco

Como “trailer” do que vem vindo por aí na “fase política” prestes a ser revelada, já se sabe que 8 das 9 empreiteiras até agora acusadas ajudaram a eleger 259 dos 513 deputados federais eleitos no mês passado, aos quais foram distribuídos R$ 71 milhões em doações de campanha, “provavelmente como mais uma forma de lavar o dinheiro” por elas desviado com corrupção e superfaturamento de contratos com a Petrobras e sua cadeia de fornecedores e prestadores de serviços, segundo os investigadores da Lava Jato.

Outros 70 políticos, pelo menos, informa-se no Ministério Público e no tribunal de Curitiba que centraliza as investigações, “estão envolvidos diretamente” em atos de corrupção ligados à operação. E os chefões das empreiteiras ainda nem começaram a falar…

Desse nível parlamentar e executivo para baixo a rede de agentes do vasto aparato montado para eleger e reeleger o PT e seus associados diretamente sustentados por pagamentos regulares do caixa geral da corrupção na Petrobras, o doleiro Alberto Youssef, segundo as provas recolhidas pela Polícia Federal até o momento, inclui do varejo de “blogueiros” individuais até prestações mensais pagas a um laranja que se apresenta como proprietário e diretor de um “jornal” inteiro, com staff e redação completos, o “Brasil 247″ publicado na internet.

a8Sergio Machado

E para completar, o “Eletrolão” promete estrear logo numa delegacia da Polícia Federal perto de você.

Para a Petrobras o custo dessa mega operação iniciada com a infiltração do engenheiro Paulo Roberto Costa na Diretoria de Abastecimento da companhia em 2004, no início do governo Lula quando Dilma Rousseff era presidente do Conselho de Administração da estatal, chega a um volume tal que, 10 anos depois, a companhia está virtualmente paralizada.

Sem seu balanço auditado ela não pode, nem distribuir dividendos a seus acionistas, nem fazer novas captações no mercado de capitais. Os gestores dos grandes fundos internacionais, por exemplo, não têm mandato para por dinheiro em companhias que não tenham passado por auditorias internacionais. A Petrobras assumiu, porém, compromissos de investimentos de US$ 206,8 bilhões (R$ 535,6 bilhões) no período 2014-2018 e já ultrapassou todos os limites aceitáveis de endividamento, o que a deixa totalmente dependente desse mercado ao qual está, entretanto, com o acesso vedado até segunda ordem.

a12Renan 

A companhia tinha em caixa R$ 66,4 bilhões em junho, valor suficiente para cobrir os R$ 23 bilhões em dividas vencendo até meados de 2015 e para sustentar dois trimestres de investimentos. Para manter o ritmo atual a empresa precisará de US$ 20 bi (R$ 52 bi) por ano em investimentos. Este ano conseguiu apenas US$ 13,6 (R$ 35,3 bi) antes que o mercado fechasse as portas para ela.

Com tudo isso a perspectiva de uma desclassificação do rating para baixo do “grau de investimento” determinada pela proporção entre endividamento em alta e Ebitda em queda, que obrigaria os fundos que ainda matêm ações da companhia a colocá-las à venda, torna-se uma ameaça mais que palpável.

Tão palpável, aliás, que o Tesouro Nacional foi contaminado pelo descrédito geral e só está conseguindo captar dinheiro pagando por antecipação, desde já, os juros que só deveria pagar depois de uma desclassificação do rating do Brasil. O papel de prazo mais longo que ele emite, que no mes passado pagava 5,3% de juros, este mes não encontrou colocação por menos de 6,35%.

a9O Negromonte ministro

Some-se a isso a virtual impossibilidade de se cortar consistentemente o gasto público num país onde tudo que está sob o vasto chapéu do Estado é intocável e, pior que isso, as repetidas afirmações da presidente reeleita e dos assessores que se mantiveram em seus cargos nesta transição de que tudo na economia brasileira vai às mil maravilhas e não ha nada que seja necessário fazer senão mudar o nome oficial do deficit para superavit primário e a conclusão será de que a situação da ex-presidente do Conselho de Administração da Petrobras e ex-ministra-chefe da Casa Civil no período em que a empresa foi tomada de assalto por essa máfia está se tornando tão insustentável que até o PT que sobrou começa a virar-lhe o rosto.

Num panorama como esse a repetição mecânica do mote de campanha de Dilma sobre a implacável “eficiência” e disposição da “sua polícia” de levar às últimas consequências uma investigação da qual ela é figura indesligavel até por obrigação legal como decorrência da descrição das funções e responsabilidades inerentes aos cargos que ocupou nos tres diferentes momentos de sua carreira ao longo do processo de tomada de assalto da Petrobras, soa cada vez mais como um mantra suicida.

Se tudo se passar como ela afirma que quer que se passe, quando a lâmina cair é a cabeça dela que vai rolar.

a4

Marcado:, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

§ 16 Respostas para Dilma vive a “síndrome de Robespierre”

  • Fausto Italiano disse:

    QUANTO AO PANFLETO:”FAZER DO BRASIL UMA GRANDE CUBA” DISTRIBUIDO NA MANIFESTAÇÃO ORGANIZADA NA ÚLTIMA QUINTA FEIRA PELO SR.GUILHERME BOULOS, VEJAM NO VÍDEO QUE, NA VENEZUELA, EXISTEM
    110 MIL CUBANOS, ENVIADOS POR FIDEL , NOS ÚLTIMOS ANOS :

    Curtir

  • Dilma e Lula estão implicados neste escândalo (e em outros mais) e não podem ser poupados. O Brasil exige o IMPEACHMENT da presidente.

    Curtir

  • Dr.Eduardo Gonsales de Ávila disse:

    Curtir

  • therezaw disse:

    Agora, veja o que escreve o Lara do Estadão, de quem é este Vespeiro. Como jornalista, será que ele tem acesso a todas as informações aqui enumeradas? Parece mesmo coisa dos 40 ladrões… Deus nos salve!

    Curtir

  • Varlice disse:

    Fernão
    Tenho um amigo a quem sempre envio seus artigos.
    Desde sempre ele diz que a guilhotina seria o melhor lugar para todo esse bando.
    Imagine como ele ficou exultante quando leu mais este seu artigo.
    O comentário dele: ‘Parece que finalmente o que eu digo há mais de um ano chegou as telas “Vive la Guilhotine”. ‘
    Abraços saudosos

    Curtir

    • flm disse:

      longe de mim tal literalidade, varlice,
      compreendo a exasperação de todo brasileiro honesto mas eu não acredito em revoluções. nem para o PT que sobrou desejo o que o PT que sobrou deseja para mim. a minha guilhotina foi só uma imagem, força de expressão. e nem assim ousei ser eu o robespierre; deixo isso pra eles, eu que estou mais para danton.
      sair do limite dos recursos da democracia só mesmo depois que ela tiver sido morta e com o propósito expresso de revive-la.
      isso é complicado mas é literalmente assim: não ha corte de caminho; democracia só se aprende praticando e cada vez que ela é suspensa as sociedades privadas dela entram num limbo fora do curso natural da História por um tempo que terão de recuperar mais adiante a partir de um ponto muito mais para trás, na cronologia da construção da democracia, do que aquele em que estava quando a ruptura se deu.
      minha geração já viveu isso uma vez e cá estamos nós jogados de volta para os anos 50 do século passado, discutindo apaixonadamente tudo que o resto do mundo já pode se dar o luxo de esquecer.
      pra mim bastou; eu aprendi.
      teremos de ganhar essa parada dentro da regra do jogo que eles querem destruir, ou perderemos todos de novo.
      o que não exclui, se chegarmos às provas necessárias, o instrumento do impeachment que está na lei, na constituição e dentro da boa norma democrática. é na verdade uma forma essencial de exercício da democracia dar e tirar mandatos como regra do cotidiano, como tenho tentado tantas vezes demonstrar nos artigos sobre o voto distrital com recall…
      mas tudo tem seu tempo e sua hora e começar por um em nível tão alto num país dividido ao meio decididamente não é bom remédio. seria bem melhor se pudéssemos evita-lo e, assim, dar tempo ao sistema imunológico da democracia brasileira para vacinar-se de uma vez por todas contra esses ditadorezinhos assaltantes de hoje em dia.

      Curtir

      • Varlice disse:

        Você sabe como penso e agradeço ter sido de alguma forma o mote para sua resposta e para seu artigo posterior a este.
        A sua fala não foi só para mim, mas para todos que o leem e o admiram.
        Acredito que mesmo meu amigo, apesar do grito inflamado de ‘Viva a guilhotina’, mesmo ele, no fundo, sabe que ela como instrumento de justiça pouco vale.
        Respondi a ele que sim, a guilhotina seria usada como instrumento do judiciário, cumprindo as leis.
        Aliás, que belo trabalho o juiz Sergio Moro faz!
        Que os céus o protejam da ira dos infames.
        Abraço saudoso.

        Curtir

  • Rosa Dalmônico disse:

    FORA PT..ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS…….NÃO VAMOS DEIXAR A DILMA TOMAR POSSE…….

    Curtir

  • José Luiz de Sanctis disse:

    Pois é, e tem político que é contra a guilhotina do impeachment, como o Alckmin, conforme publicado no Estadão de 15/11. Como absolutamente contra? Se houver provas, e parece que em breve as teremos aos montes, é um instrumento absolutamente legal e já usado contra um político pé de chinelo se comparado com a monstruosidade dos sucessivos governos petistas.

    Curtir

  • Ricardo disse:

    Calma,calma.. ainda tem muita coisa por se descobrir,aliás as investigações ainda engatinham,o que só leva a pensar que o Juízo Final se aproxima de maneira inexorável.
    Para tanto,que se prezem as instituições e que ature-se o sistema.
    Investigações e apurações não estão sendo feitas tão somente no Brasil ou Estados Unidos,o que fará parte do mundo deitar olhos sobre o país e o sistema jurídico brasileiro.
    Manobras e embustes surgirão igualmente de modo escandaloso e, não aposto que acionistas internacionais que viram a Petrobrás perder próximo de oitenta por cento de seu valor de mercado levando junto seus investimento$,concordem resignados em contribuir para o “Bôça Propina”.
    A Petrobrás é apenas UMA grande empresa,vamos ver as outras..
    A credibilidade de todas as grandes empresas brasileiras será maculada com conseqüências severas para a economia nacional,e uma economia de mal a pior costuma inflamar os ânimos e esgotar a paciência mesmo dos mais complacentes.

    Curtir

  • Dr.Eduardo Gonsales de Ávila disse:

    Curtir

    • Ricardo disse:

      Sr. Dr Eduardo. Belas palavras as do General,mesmo eu amanhã estarei num evento de minha honrada Cavalaria,e apesar de ainda não ser um civil,ser militar para mim desde os tempos do governo de Figueiredo, não posso deixar de dizer que não as aprecio pois seria uma inverdade.
      Ainda,sei que a construção de uma sociedade se assemelha,e em muito em nosso caso,de aprendizado básico.
      Lembras da célebre e crucificada frase de “Pelé”,: “-O povo não sabe votar..” ?
      Bem .. o cara foi para o paredão da ” democracia”, e me desculpe o exagerado uso de aspas,mas é isso aí e ponto.
      Pense o que é que fez da sociedade brasileira ser refém da maioria,bem,lá vamos nós de novo.. “maioria”, da rude plebe ignara..?
      Vamos lembrar de dois mandatos de FHC.
      Analfabetos votando em um intelectual afirmado.
      E em Lula, Intelectuais votando em um analfabeto funcional,sei lá se foi ou era.
      A traição do sistema se deu pelo próprio sistema devidamente envenenado,ora.. a exultação de Gramsci tão comentada e referida aqui..
      Não se trata mais de subversão da ordem,isso já foi feito,mas agora do que temos que nos preocupar é com a manutenção da ordem.
      Para isso temos de testar nossas instituições,pressioná-las,e ..
      respeitá-las.. O jogo no qual estamos todo inseridos pressupõe isso,manter-nos dentro das regras e acusar e repreênder quem não as respeitam.
      Deixe que fique claro QUEM SÃO os golpistas,e muito claro quem despreza a constituição.
      P.S. Sim aprecio Wagner,principalmente quando executado no filme
      de Coppola,um de meus favoritos de vida inteira,mas como tive a oportunidade de ver uns velhos conhecidos(ao vivo!),gostaria de deixar um agrado na forma de vídeo desses..Espero que aprecies,letra,música e vídeo.
      Eu gostei..
      Um Abraço
      Ricardo

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Dilma vive a “síndrome de Robespierre” no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: