Haddad, Kassab e as novelas da Globo

13 de novembro de 2013 § 7 Comentários

Um perigo essa guerra de arapongas!

Com a progressiva consolidação do “Reich de Mil Anos” do PT já não ha o que lhes resista. As tênues fronteiras e distinções de comportamento que chegaram a se esboçar dentro do território “deles” com os ensaios de meritocracia e responsabilidade fiscal da longínqua “Era FHC” vão perdendo a razão de ser.

Faz cada vez menos sentido ser mais realista que o rei que clama todos os dias, lá do trono, o seu  “Eu sou. Mas quem não é”?, sublinhado pelos sucessivos “Eu não disse“? que a sua polícia distribui de jornal em jornal, cobrindo de lama vivos e mortos.

Como consequência cada vez mais gente “lá dentro” desiste de “não ser”.

Ocorre que num ambiente onde todos generalizadamente “são”, usar a arma da denuncia de corrupção é, cada vez mais, atirar no escuro: nunca se sabe em quem se vai acabar acertando.

Fernando Haddad, o petista bonitinho que gosta de posar de Robin Hood enquanto arranca o couro do povo com seus impostos escorchantes, achou que seria muito esperto, para abafar as manchetes contra o golpe do IPTU com + 35% à meia noite, “dar acesso” aos jornalistas do costume às provas das falcatruas de uns tantos fiscais ladrões escolhidos entre as hostes de fiscais ladrões dos ex-prefeitos que se apresentam como pré-candidatos a disputar com o PT o governo do Estado de São Paulo.

had1

Dois coelhos com uma só cajadada!

Esqueceu-se sua excelência de que na nova realidade suborno-totalizante instalada no país não ha senão aliados do PT.

O mundo dos 32 “partidos políticos” brasileiros onde, fora os  dois ou três com veleidades de disputa-la que reivindicam “neutralidade” enquanto a eleição não passa, todos os demais se declaram “de esquerda” e aliados dos atuais ocupantes do poder, parece-se cada vez mais com o das novelas da Globo que ninguém sabe se imitam a vida ou se são imitadas por ela.

had2

Como todo mundo “come” todo mundo nesses ambientes gêmeos – velhotes e moçoilas, crias e criaturas de qualquer sexo, tipos normais e tipos “especiais”, homens, mulheres, híbridos ou “trans”, foi só disparar a primeira bala e ela não parou mais de ricochetear.

A hecatombe dos metro-sexuais da nossa política faz lembrar a das ruas aqui fora. Caem amigos e caem inimigos; caem alvos visados e caem alvos “perdidos“; caem os desvalidos e caem os protegidos. A diferença é que os alvejados aqui fora morrem de fato e os lá de “dentro” são apenas “afastados” até que tudo seja esquecido depois das quatro ou cinco semanas regulamentares.

had3

O que fica são as ênfases nada sutis com que a televisão “” mentidos e desmentidos nos horários que o povão assiste e nos horários que o povão não assiste o que passa nas telinhas…

A pantomima, de qualquer maneira, diverte e (ainda) faz algum alvoroço. “Acessos” e mais “acessos” misteriosamente “obtidos” por diferentes órgãos de imprensa jogarão sal e pimenta nessas histórias provocando as divertidas reviravoltas que animam as noites da TV. Mocinhos virarão bandidos e bandidos virarão mocinhos ao sabor da arte da edição como pedem todos os folhetins que se prezam.

had6

Mas, outra vez como nas novelas da Globo, no final tudo voltará às boas. Com a aproximação das eleições, diante da perspectiva de mais quatro anos no controle das tetas, corneados e corneadores, transgressores e transgredidos, acusados e acusadores perdoar-se-ão mutuamente e cantarão, abraçados, que “Hoje é um novo dia/ de um novo tempo que começou./Nesses novos dias, as alegrias serão de todos, é só querer”.

Todos os sonhos deles, enfim, serão verdade.

Nos mundos encantados do modelo globeleza de família brasileira e da “luta ideológica” que move os aspirantes a Brasília tudo sempre acaba bem.

had7

(REMÉDIO PARA ESTA DOENÇA VOCÊ ENCONTRA NESTE LINK)

Marcado:, , , , , , , , , , , , ,

§ 7 Respostas para Haddad, Kassab e as novelas da Globo

  • CECILIA THOMPSON disse:

    VAI PRA CASA, PADILHA! Jô Soares foi premonitório – mas olho vivo – ainda falta passar a mão na grana do ESTADO (a unidade da federação, não o jornal). Afinal, ONDE é que sempre esteve o dinheiro? PT follows the money – mas não para esclarecer as suas origens, e sim para encher as burras mais ainda.
    E os burros? ah é, somos nós…

    Curtir

  • Ronaldo disse:

    Com a ignorância do povo, mantida criteriosamente pelos governos, e a lavagem cerebral, com indução pornográfica, da Rede Globo podemos afirmar: “Não existe pecado do lado de baixo do equador”!

    Curtir

  • só existe corrupto por que existe o corruptor, por que não se embarga imóveis, e bens de todos os envolvidos nas fraudes, começando de empresas que devem e querem diminuir as dívidas até quem aceita propina, em tempo deve-se chegar até aos advogados que defendem essa escumalha, pois dinheiro de corrupção é dinheiro sujo e quem o recebe, sujo é!

    Curtir

    • flm disse:

      não estou tão certo disso não.
      vá você tentar fazer alguma coisa dentro da lei no Brasil.
      vai descobrir que aqui elas foram construidas para serem intransponiveis e te tanger para dentro do funil em cujo bico está o funcionário que só abre a torneira mediante “bola”.
      na política idem: se não entrar nos esquemas não entra na política.
      tem, tbem, os “gersons” por natureza.
      mas a esmagadora maioria deles está do lado de lá e não no de cá, sergio…

      Curtir

  • Algum tempo atrás, eu comprei um carro mais novo do que eu tinha (um fusca) e como eu já havia feito a documentação (eu mesmo via internet) do antigo resolvi fazer a do recém comprado, é uma verdadeira peregrinação pelo calvário da burocracia e falta de vontade do funcionalismo público que assola esse país, levei cerca de um mês para ter o veículo emplacado e legalizado, eles pensaram “ele vai desistir” mas segui em frente, até minha família ficou contra minha persistência e me aconselhavam a procurar um despachante e pagar os preços aviltantes que eles cobram para fazer o que quase não tem custo nenhum fora o roub…digo taxas que o governo cobra do incauto e persistente cidadão comum. Os preços nos despachantes variavam de R$100,00 à R$250,00 fora as taxas (roubo) do governo, para imprimir o renavam e levar até a CIRETRAM da minha cidade, muitos teriam desistido e pagado “o pedágio” e teriam os documentos em no máximo três (isso mesmo) dias, por isso que eu digo, criam-se dificuldades para se vender facilidades. Se todo cidadão bater o pé, reclamar, não pagar “a bola” mudamos essa realidade que é nossa pol[itica de serviços públicos.

    Curtir

    • flm disse:

      pois eu sugiro ação mais “sistêmica”, sergio: se todo cidadão bater o pé pelo voto distrital com recall, na etapa seguinte cada vez que voce quiser eliminar mais uma das milhares de armadilhas que eles põem no nosso caminho e eles resistirem, voce vai cassando o mandato de um por um.
      vou te dizer: não passa do 3ro ou 4rto.
      assim que eles entenderem que o emprego deles está nas nossas mãos eles começam a jogar “espontaneamente” a nosso favor. e voce vai assistir ao milagre da corrida entre vereadores, deputados e senadores pra ver quem derruba antes as armadilhas piores no caminho do Brasil pra poder continuar eleito e progredindo na carreira.
      se eles so comerem quando merecerem, como acontece conosco nos nossos empregos, começarão a fazer por merecer , tanto quanto nós…

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Haddad, Kassab e as novelas da Globo no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: