A dois passos do precipício

26 de janeiro de 2023 § 3 Comentários

O Brasil ainda não entendeu o que está lhe acontecendo. Discute firulas legais de cada golpe que leva como se ainda houvesse lei ou constituição; especula sobre o esquema para financiar a internacionalização do lulismo como se o único efeito dele fosse o aumento do rombo fiscal que já está contratado.

Estamos a dois passos do precipício, discutindo um passado que já acabou.

Porque eu acredito no Lula

25 de janeiro de 2023 § 4 Comentários

Reconstituí passo a passo o que aconteceu nos dias 8 e 9 de janeiro, e ponderei com todo o rigor da prova científica as hipóteses de interlocutores de extremos diferentes do espectro ideológico para desmentir a minha.

Mas nada, na sequência dos acontecimentos, me autoriza a não acreditar que Lula fará o que jura todos os dias que vai fazer.

O “x” do problema – 2

23 de janeiro de 2023 § 2 Comentários

Sobre a “tomada” do Brasil pelos assaltantes de “Manés”, eu propus O “X” DO PROBLEMA – 1 com este resumo:

De onde vem isso?
Onde é a encruzilhada?
Qual o antídoto?

O que a História nos diz do que o Brasil está vivendo hoje?

Agora retomo essa história com mais detalhe e, espero, mais clareza, porque vejo na identificação da origem do nosso problema o único caminho de saída.

O “x” do problema

20 de janeiro de 2023 § 2 Comentários

De onde vem isso?
Onde é a encruzilhada?
Qual o antídoto?

O que a História nos diz do que o Brasil está vivendo hoje?

A força armada da ditadura

18 de janeiro de 2023 § 4 Comentários

Essa imprensa que não faz perguntas e não tira conclusões do óbvio nem quando ele o atropela na rua, mas incorpora imediatamente e martela, unida, todos os adjetivos que o lulismo cola em cada personagem da cena brasileira, passando a citar cada um deles, não importa o canal que você esteja assistindo, a rádio que esteja ouvindo ou o jornal que esteja lendo, já com um julgamento e uma sentença passada, é toda a força armada que a ditadura precisa para se impor ao Brasil.

Nem o Exército Brasileiro, nem as PMs, nem a parcela não comercializável do congresso nacional, que claramente repudiam o rolo compressor que vem destruindo todos os equipamentos civilizatórios de proteção do indivíduo das instituições brasileiras, tiveram coragem de enfrentar esses linchadores.

O Brasil que abra o olho!

O que vem vindo aí, confessada e anunciadamente, é uma ditadura de padrão asiático…

  • Junte-se a 37.591 outros assinantes
  • Follow VESPEIRO on WordPress.com
  • Meta

%d blogueiros gostam disto: