Receitinha infalível

9 de novembro de 2015 § 21 Comentários

Henrique Pizzolato, o ladrão do mensalão dentro do Banco do Brasil, reclama das condições de atendimento médico do Centro de Detenção Provisória da Papuda (veja bem, “pro-vi-só-ri-a“).

Magine se o pé-de-chinelo vizinho dele fizesse a mesma queixa: saia no jornal pontuado de exclamações da OAB ou morria numa “esculachada” nos queixos da parte do carcereiro?

É como tenho dito: as prisões brasileiras só serão resgatadas da sua condição medieval quando a perspectiva dos criminosos “nobres” passar a ser a de gramar nelas temporadas tão longas quanto as impostas aos plebeus pelos mesmos crimes, e nas mesmas celas.

Enquanto tiver um tipo de prisão para eles e outro para os plebeus, fodam-se os plebeus.

Com o labirinto regulatório é a mesma coisa: só serão removidas as leis que atrasam e atrapalham a nossa vida se passarem a atrasar e atrapalhar a vida “deles” também.

a00

Para que qualquer dessas coisas aconteça tudo que é preciso é que todos os funcionários públicos, a começar pelos juízes, possam ser demitidos a qualquer momento pelo maior interessado nessa mudança, sua majestade o eleitor. Se o eleitor não tiver esse poder, fôda-se o eleitor.

É assim que a humanidade funciona.

PS1.: Para que esses processos de demissão (“recall“) possam ser feitos a qualquer momento sem atrapalhar a vida dos próprios interessados neles, é preciso que todo funcionário com atribuições que não sejam essencialmente políticas passe a ser eleito e não mais nomeado, e que as eleições sejam distritais puras de modo a atrelar cada funcionário demissível aos seus respectivos demissores autorizados. Só assim o jogo vira a nosso favor e não sou eu que o digo, é a História: quem fez tá de vento em popa; quem não fez tá no mar de lama.

PS2: Não me venha com aquele chororô de criancinha mimada, “Ah, mas isso eles não vão deixar“… Não conte com um “papai” para te emancipar politicamente e nem fique esperando pelos “outros“. Quem tem de fazer isso é você e tudo que é preciso é estar decidido a tanto. Comece focando em eleição distrital com recall só nos municípios que o resto vem com o uso. “Fuzilar” filhos da puta é atividade que vicia organicamente. Feita a primeira experiência, o povo passa a querer sempre mais.

REC3

+ Sobre demissão de juízes

+ Sobre recall

Marcado:, , , , , , , , ,

§ 21 Respostas para Receitinha infalível

  • Carmen Leibovici disse:

    Pergunta a propósito de :”é preciso que todo funcionário com atribuições que não sejam essencialmente políticas passe a ser eleito e não mais nomeado”.
    Como assim?Copeira vai ser eleita?Arquivista vai ser eleito?…Eu acho que não dá…esses tb são funcionários…Então como fazer a distinção dos que devem ser eleitos e dos que não?

    Mas ,para mim,eu já ficaria feliz em iniciar esse processo de mudança estrutural começando por 1-proibir todas as novas contratações e nomeações até que se faça um remanejamento racional com o que já há disponível ,em todas as esferas-municipal,estadual e federal.2-Despedir todos os nomeados(nomeado e comissionado é a mesma coisa ,não é?)e manter só os concursados.3-Estabelecer a partir de já ,por lei constitucional -emenda ou o que for-,que a partir de agora,dps que o sistema do funcionalismo público for saneado,e começarem novos concursos -ou eleições-, TODO funcionário público vai se aposentar como todos os outros simples mortais,sem privilégios.4-Estabelecer por lei que fica proibida a contração pelo Estado de planos de saúde e previdência para os funcionários públicos-quem quiser um,que faça ele próprio,mas, preferencialmente,todo funcionário público,portanto a serviço do País,deveria utilizar só o SUS.

    Enfim,para dar um pulo como o que você sugere,precisa antes aparecer algum estadista -ou alguns “estadistas”-que comece pelo começo.
    Você não acha?

    Curtir

  • MOSES disse:

    Nunca vi tanta mistureira de assuntos não correlatos e sem pé nem cabeça, a tragédia das condições dos presídios merece mesmo um enfoque especial, privilégios de funcionários, oras bolas, tem servidores que lidam com fatores insalubres, e nivelar estas atividades como uma comum regular é uma bela injustiça. Benefícios para os amigos do faraó (cartões corporativos, cargos comissionados) é extrapolação da sensatez. Eleições para servidores públicos, quem fará o Financiamento de Campanha? Poderá ocorrer “sobras de campanhas”? Nada contra o recall, seria uma evolução. Não gostei do texto.
    Desta forma realmente FODER É PODER.

    Curtir

    • flm disse:

      é só raciocinar dois segundos, sr. moses…
      comece por se perguntar se trabalhador em área insalubre aqui fora, no mundo real, é indemissível. ou se ganha aumento de salário pela quantidade de tempo que permanecer sentado em cima da sua indemissibilidade e não pelo resultado que estiver produzindo.
      as democracias de verdade elegem até o guarda porque já viveram tempo suficiente fora dos contos da carochinha dos Lulas da vida pra aprender que o caro não é a campanha pra virar guarda, é a vida inteira de achaques dos guardas e fiscais nomeados pelo faraó e que por só poderem ser demitidos por ele, só dão satisfações a ele.
      é com a diferença do que custa uma coisa e a outra que se constroem os palácios do faraó em vida e a pirâmide onde o detentor desse poder divino (de nomear para o não trabalho e para a não competição) vai ficar depois de morto.
      desde, pelo menos, tocqueville que já se sabe que a principal diferença entre as democracias e os reinados absolutistas está exatamente nisso: definir quem, nesse jogo, tem o poder de dar e tirar empregos públicos. o resto é conversa para enganar trouxa. esse poder de nomear pro emprego sem trabalho eterno com um toque da mão, não é que cria máfias. cria religiões!

      Curtido por 1 pessoa

      • Carmen Leibovici disse:

        Fernão,apesar disso,você exaltou a monarquia,em artigo anterior,como o único período de democracia no Brasil e nas américas.Como fica isso?Por quê naquele reinado,ou tempo de reinado, esse poder de dar e tirar empregos públicos não era nefasto para o restante da população?Qual a diferença lá e cá,com esses novos reis sem realeza nenhuma?

        Curtir

      • MOSES disse:

        Creio que deva existir somente um meio de se conceder um emprego publico: MÉRITO. O guarda tem de ser Guarda. Tem que ter olho de guarda. Tem que ter nariz de guarda. tem que ter boca de guarda. Se tem tudo isto, o guarda é guarda. Se o juiz é pau mandado, e todos são amigos do faraó, nem recall resolve.

        Curtir

      • Carmen Leibovici disse:

        Você exaltou a monarquia em uma resposta em artigo anterior…

        Curtir

      • MOSES disse:

        Na verdade um Faraó tem que utilizar o “Kefer” (proteção) e a Chibata. para bem governar.
        Pisou no tomate, chibatadas no lombo do súdito.
        Temos que reconhecer que em nossos tristes trópicos funciona a norma: “Para os nossos tudo (até as leis enfiam no ó do borogrodó), para os outros, os não dos nossos, o puder da Lei”. Isto inverte tudo, e cria a balburdia que temos vigorando.

        Curtir

  • Helena Maria de Souza disse:

    Excelente texto. Sem retoques. Parabéns!

    Curtir

  • Logo ele estará na rua a exemplo de muitos. Quando os fatos não admitem outra interpretação senão do brutal crime como autor, cúmplice ou conivência, o mais simples´e tem dado certo é mudar o julgador.

    O mais recente Lulinha II. E assim será.

    Curtir

  • Safadeza do safado.

    Vaccari nega tudo, tudinho e o PT confirma. Tá bom, então é tudo invenção só pra prejudicar o partido cara de pau ou já sabem que logo eles voltam pra casa. À se manter tem que lhes dá presente, a exemplo da digna senhora do próprio que ganhou R$ 400 mil e não foi do papai, e sim de um amigo do maridão tão querido pelas empreiteiras.

    O Delubio já está arrumando as malas.

    Somos ou estamos sendo considerados o exemplo da impunidade, aliás que se mostra dia a dia.

    Curtir

  • Carmen Leibovici disse:

    Confiança é a base de tudo.Se o TSE(Tribunal Superior Eleitoral) ,tendo como seu presidente o petista Dias Toffoli,se recusa a tranquilizar a população com um gesto extremamente simples-e barato diante do que o governo desperdiça em asneiras-como a IMPRESSÃO DOS VOTOS ELETRÔNICOS ,de modo que o resultado da urnas possa ser plenamente aferido,é porque este governo deseja enganar a população.Não há outra explicação para a recusa deste governo para implementar uma ação de transparência .VOTO IMPRESSO JÁ!!! https://www.facebook.com/dalva.trevisan/videos/908572619213018/

    Curtir

  • José Luiz de Sanctis disse:

    Na mosca!

    Curtir

  • Sem prejuízo dos demais comentários quanto as exigências à um país melhor mais decente pelo menos, quero compartilhar de minha análise sobre o urgente momento que, no meu entender, e a ação necessária, repito, pela falta de confiança no Legislativo irresponsável e no Judiciário tendencioso ao PT e a Dilma em especial pela maioria no STF e TSE.

    Chegamos no limite do insuportável.

    Perdemos a confiança nas instituições inclusive diante do explícito arranjo à proteger responsáveis por mal feitos à não dizer coisa pior.

    Desnecessário nominar quais porque são os mesmos de sempre com algumas variações para mais, não raro protegidos exatamente por quem não devia, ao caso o judiciário até a mais alta corte.

    Quando não tem saída dante dos fatos trocam os julgadores, por exemplo como acaba de ocorrer com a Juíza da Operação Zelotes da ação contra o Lulinha II, cuja empresa sem funcionários ganhou R$ 2.4 milhões à prestar serviços de “marketing esportivo” para um escritório de lobistas ” amigos ” do governo, e no TSE com a juíza amiga da Dilma por “determinação do notório Tóffolli.

    O Sergio Moro sofreu tentativas que só não se confirmaram de medo da sociedade, porem alguns atalhos criados no STF deu certo. É a aplicação da teoria do salame, aquela em que não podendo comer inteiro fatia e come aos poucos até acabar.

    E a sociedade endividada, inadimplente, desempregada e sofrendo privações, tem que assistir aos desmandos e nada acontece de produtivo em relação a ela, cada dia mais desamparada, perdida por culpa exclusiva do nosso governo bolivariano, medíocre, envolvido em todos os gêneros e espécies de trapaças, a tal ponto que a presidente e autoridades não podem sair as ruas por medo das manifestações contrárias aos próprios.

    Diante do abandono em que nos encontramos, ou tomamos coragem em enfrentar à tudo mudar, ou seremos cúmplices do desastre no País que também é nosso.

    Curtir

  • Lucila Esteve disse:

    Voce está corretissimo tem que ter recall.
    A respeito dos doentes na cadeia que se queixam, deveriam ser levados por policiais para fila do SUS quem sabe eles morrem lá.

    Curtir

    • Não tenho dúvidas da importância do “recall” da forma que for, desde que o eleito saiba que se não se comportar nas atitudes e nos compromissos com os eleitores o ” pé na bunda virá.

      Por outro lado e no que insisto é o momento, desnecessário ler nos jornais diante do que estamos passando em maior ou menor grau e sem quaisquer expectativas de melhoras.

      Não raro discute-se ideias consideradas boas e originais, embora não raro estas últimas não sejam boas e nem a boas originais, tratando de eficácia.

      A solvência do governo, que não dirigimos, é a prioridade ao bem estar da sociedade e tem que ter prioridade sobre as idéias ” boas e originais”, sem prejuízo de serem discutidas para mim em outros momentos dada a imperiosidade da situação do país.

      Vivemos um ciclo vicioso. Juros altos a conter a inflação, ao mesmo tempo aumenta o custo da rolagem da dívida-indexada na Selic, criando mais risco a trajetória da dívida. Em reação, o risco do pais se eleva -credit default swap ou CDS levando junto o câmbio. Nesse círculo a política monetária -juros- à conter a inflação acaba elevando o dólar.

      Da política nem se fale porque não adianta. O ” case” Cunha foi montado e potencializado à abafar a crise econômica dando tempo a eventuais ideias ” boas e originais”, que acabam no aumento de impostos.

      Então não fazemos nada? Sim, vamos fazer, vamos nos movimentar e disso eles tem medo porque provoca as inércias e dai disseminam os movimentos. Os caminhoneiros estão dando exemplo podendo até não conseguir o pleiteado. Todavia se a adesão aumenta para, estaciona o país e é isso que deve ser feito pra Dilma despertar saindo da toca e ir pra casa.

      Com ela em mais 38 meses no governo só se for pra superar a Venezuela em matéria de destruição moral e econômica.

      Esse será o recall prioritário e absolutamente necessário para o recall político passar a ser considerado.

      Se não, caros vespos e vespas, no buraco será um salve-se como puder.

      Curtir

    • Até ele. E continuamos esperando o milagre.

      Ivar Luiz Schimidt, lider do CNT.

      Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, o líder do CNT diz que, a princípio, não há interesse em negociar com o governo federal e que o principal objetivo é derrubar a presidente Dilma Rousseff.

      “Entregamos uma pauta para o governo em 4 de março e, em oito meses, o que foi atendido é irrelevante. Por causa disso, e do clima em que se encontra o País, com inflação elevada e aumentos consecutivos dos combustíveis e da energia elétrica, achamos por bem pedir a renúncia da presidente.

      Não acreditamos mais que ela seja capaz de conduzir o País para fora do abismo no qual se encontra”, disse.

      Curtir

  • honorio sergio disse:

    Por falar em amigo do “Rei” aqui em Valinhos SP, o Sr. Carlos Sampaio, paladino do Impeachment, está empregando a família aqui na nossa falida Prefeitura, vejam o link! http://cartacampinas.com.br/2015/09/sampaio-prefeitura-de-valinhos-da-emprego-ao-pai-de-carlos-sampaio-com-salario-de-r-11-mil/

    http://www.brasil247.com/pt/247/sp247/197438/Pai-de-Sampaio-ganha-emprego-em-prefeitura-tucana.htm
    e assim vamos indo!

    Curtir

  • honorio sergio disse:

    Por falar em amigo do “Rei” aqui em Valinhos SP, o Sr. Carlos Sampaio, paladino do Impeachment, está empregando a família aqui na nossa falida Prefeitura, vejam o link! http://cartacampinas.com.br/2015/09/sampaio-prefeitura-de-valinhos-da-emprego-ao-pai-de-carlos-sampaio-com-salario-de-r-11-mil/

    http://www.brasil247.com/pt/247/sp247/197438/Pai-de-Sampaio-ganha-emprego-em-prefeitura-tucan

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Receitinha infalível no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: