Marina e a democracia

2 de setembro de 2014 § 99 Comentários

a4

Marina Silva oferece como a mais sólida chancela de sua candidatura o grupo com que sonha fazer-se acompanhar e não o que ela própria é ou pensa fazer, embora tenha opiniões muito firmes sobre as mais candentes questões em jogo nesta eleição.

Não é bom sinal.

Como ha um fator excruciante de exaustão moral com a bandalheira que está aí e uma grande massa de eleitores define seu voto por exclusão de defeitos e não por afirmação de qualidades do candidato, Marina Silva apresenta-se, espertamente, como quem pessoalmente não é nada apenas um terreno vazio em cima do qual poder-se-á erigir qualquer construção “dos melhores”.

Mas a verdade dos fatos é que Marina Silva nem é tão neutra — como comprova uma leitura atenta de seu Programa de Governo divulgado no fim de semana cheio de ingredientes que transformam o conteúdo no contrário do que quer fazer parecer sua publicidade de campanha — nem tão vazia de retrospectro quanto pretende parecer agora.

a7

Na eleição de 2010, quando teve mais de 20 milhões de votos, poder-se-ia dizer que ela era o “Cacareco” – o rinoceronte do zoológico em que os paulistas enojados com a deterioração moral em que andava a política local podiam depositar impunemente seu voto de protesto na eleição de 1959. Não havia nenhuma esperança real de que ela fosse eleita em 2010 e assim foi nela que votaram todos quantos, já naquela altura, não se sentiam representados pelo modo PT de governar e nem pelos demais candidatos que se ofereciam ao eleitorado.

Desta vez é diferente. O contingente dos “não representados” mais o dos mal representados subiu para 76% do eleitorado (os que querem “mudanças” sem ter nenhuma ideia de quais segundo as ultimas pesquisas).

Desde 2010 Marina submergiu no limbo midiático. Salvo pela refrega perdida da “Rede“, só tem sido assunto para especialistas. Carona do PSB, nunca chegou a fazer campanha com suas próprias idéias. Por isso ressurge agora “nova” e desconhecida da grande massa dos brasileiros, menos pela embalagem que, tocada pelo incidente da morte espetacular de Eduardo Campos ganhou uma exposição na mídia que nem Dilma Roussef e seus 40 aliados conseguiram amealhar com todos os minutos de televisão que trocaram entre si no país onde eleição vence-se pelo tempo de prateleira na TV, posto que o exame e o debate de idéias entre candidatos é ferozmente censurado na mídia de massa.

a2

É a tempestade perfeita!

Só que Marina Silva tem currículo, sim, e opiniões consolidadas pelo duríssimo cimento da mistura de fé com ideologia. Ela nasceu dentro do PT onde passou 20 anos militando. Comunga especialmente as idéias daquele partido que se referem ao “aperfeiçoamento da democracia” por expedientes plebiscitários e à “relativização” do direito de propriedade. Aplaudiu o Decreto 8243 de Dilma Roussef, antes de recuar avisada por seus marqueteiros do mal que qualquer lembrança de suas raízes petistas poderia provocar nessa sua imagem de “virgindade” mas – a cada nova declaração isso se confirma – continua nessa mesma linha.

Diz que quer criar “uma dmocracia de alta intensidade” que ninguém, nem ela mesmo, consegue explicar o que seja. Fala no assunto por vias tortas no programa de seu partido o que não é propriamente um sinal de boa fé, mas acaba sempre no mesmo ponto: quer “ação direta” (plebiscitos) para instalar “uma nova ordem constitucional” para a obtenção da qual o Congresso é visto como um empecilho. Afirma, como o pior PT, que “a representação não se dá de forma equilibrada, excluindo grupos inteiros de cidadãos como indígenas, negros, quilombolas e mulheres”. Como mesmo com todos esses grupos votando com o mesmo peso de qualquer outro brasileiro, do que é prova o fato desta eleição estar dividida entre duas mulheres, uma delas negra, Marina, como Dilma, continua a defini-los como “excluídos”, conclui-se que o que ela pretende fazer, como Dilma e como o pior PT, é dar aos “movimentos sociais” representando os cortes mais radicais desses segmentos, articulados pelo partido, um peso maior que o dos outros brasileiros nas decisões que podem alterar a Constituição e o regime republicano.

a5

Como essa conta jamais fecharia considerada a regra de maioria, o jeito é suspender essa regra ou criar, como é o caso aqui, um filtro prévio da minoria a quem se quer entregar todas as decisões para conviver com um Congresso Nacional esvaziado de suas funções que o PT vem, ha 12 anos, “cevando” nas migalhas do banquete da corrupção, até que chegue o momento de dar-lhe o tiro de misericórdia.

Ninguém chorará por esse defunto, nem os próprios congressistas que, de tão concentrados em locupletar-se, não encontram tempo para reagir contra o decreto que anula suas funções e já está em vigor ha quase quatro meses.

Suas outras credenciais são igualmente duvidosas:

Marina Silva diferencia-se por quem se faz acompanhar? A sua empresária e os seus economistas de estimação são garantia do seu compromisso com a democracia?

Lula usou expediente semelhante quando assinou a “Carta aos Brasileiros” e embarcou Jose de Alencar, primeiro, e Henrique Meirelles, depois, na sua equipe.

a3

Marina jurou exorcizar a “velha política” e as “aliancas entre contrários” que nos condenam ao toma-lá-dá-cá? Mas voa em aviões enlameados de “laranjas”; juntou-se ao PSB para manter um projeto pessoal de poder; transitou de inimiga jurada do agronegócio e dos transgênicos a aliada dos usineiros e “meio amiga” dos transgênicos de que “dá fé” Beto Albuquerque seu vice e seu contrário (enquanto aumenta o “quociente de produtividade” abaixo do qual pode-se desapropriar a terra alheia)…

A fórmula que vem funcionando para esvaziar Aécio – “Com o PT a certeza da venezuelização, com Marina livramo-nos desse pesadelo” – não se apoia, portanto, em nada de concreto.

Não ha 3a via. Nunca houve 3a via. O Brasil ainda vive num estágio onde o divisor de águas é aceitar ou não aceitar a regra do jogo democrático. Depois que resolver isso, poderá debater-se entre esquerdas e direitas ou entre esquerdas e meias-esquerdas democráticas.

Por enquanto não é o caso. Se ha algo que, até onde se sabe pelo que foi posto na mesa até hoje, não muda com a opção Marina ou o PT, é a intenção declarada de ambos de “resolver” os problemas que decorrem da escassez de democracia na política que se pratica no Brasil, com menos democracia ainda ou com democracia nenhuma.

a6

Marcado:, , , , , , , , ,

§ 99 Respostas para Marina e a democracia

  • Eduardo disse:

    é, para o Aécio chegar lá, temos que passar por cima dos cadáveres de duas mulheres, uma negra e a outra búlgara, ambas com idéias mirabolantes, com tanta miscigenação será que agora estamos diante de um conflito étnico-racial? Talvez então a melhor opção fosse vender de vez o Brasil para Cuba, ou esperarmos a famosa invasão do Brasil pelos norte-americanos.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    no debate do SBT o Aécio não baixou os olhos nem piscou, mas as comadres continuam por cima da carne-seca, bonitas na fotografia.

    Curtir

  • José L. Sanctis disse:

    Prezado Fernão.

    Segue comentário do meu amigo Arnaldo Adasz, que subscrevo, mas que não consegui colar no seu blog juntamente com a foto que segue.

    Abraço.

    José Luiz

    O Foro de São Paulo estava preparado há muito tempo para certas inconveniências tais como o desastre econômico dos 12 anos de administração do PT. Face à virtual impossibilidade de qualquer pessoa que saiba ler e escrever, ou tenha QI acima de 40 votar no PT, aparece outra candidata pertencente ao Foro de São Paulo, herdando os milhões de dólares gastos pelo governo junto a empresas de pesquisas e toda a máquina de propaganda.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Para que serve uma CONSTITUIÇÃO se vem ai 151 Mudanças Constitucionais? E sem recall! http://youtu.be/z7C5Wy9PU34

    Curtir

  • Gerson Brum disse:

    O Fernando está consumido pela “vejite”. Assombrosa a forma como a minoria paulista, saxônica no falar, escrever e se pavonear e tupiniquim na genealogia e nos treponemas, investe, cada vez menos simuladamente, contra qualquer coisa quase mova que não seja o PSDB de Aécio ou de qualquer outro almofadinha. Vocês têm o monopólio da sensibilidade, da visão, da instrução, da detecção do bem e do mal. Elegem Collor, Maluf e outros que-tais, mas com uma fleugma!

    Curtir

    • flm disse:

      maluf!?, collor!?
      “nos” elegemos?
      talvez…
      mas por quatro anos ou menos.
      problema é o PT que os eterniza…

      Curtir

    • flm disse:

      noto, sr. Brum, que o sr. nao tem argumentos a contrapor aos argumentos que eu expus.
      sendo assim, sua irritação muito me honra. toquei algum nervo sensivel? foi sem querer. eu mirava cerebros…
      mesmo sem saber qual a sua, nao tenho observaçoes a fazer sobre a origem das pessoas e os outros temas que mobilizam as vossas emoções. isso nunca entra em minhas consideraçoes.
      o “saxonico” me parece intrigante. seria uma ofensa? um elogio? uma referencia à minha inegociavel adesao à democracia que eles criaram e, em especial, à regra sagrada da alternância no poder?
      enfim, sr. brum. se lhe ocorrer alguma ideia a respeito de minhas ideias, terei o maior prazer em discuti-la.

      Curtir

      • Gerson Brum disse:

        Fernão, olha, você sensibiliza apenas os meus nervos! Mesmo! Quanto aos seus argumentos e idéias, confesso, não são, por artificiais e tendenciosos, suficientes para sensibilizar o meu cérebro, sequer o dedão do meu pé. Observo é você colimando um objetivo, em que se centra obsessivamente por anos e correndo atrás de argumentos a os sustentar. E os encontra! São belos, envolventes, bem articulados, mas têm um problema: martelam, cansativos e sectários, a ponto de não ser aproveitáveis. Pelo menos para quem escapa, como eu, da sua sedução. Pode ser ela encantadora para o séquito de quem você é guru, protetor, instância de inspiração e de apelação, mas para mim é apenas uma forma de dizer: – seus ignorantes, porque não votam no Aécio?

        Curtir

      • flm disse:

        vai insistindo, gerson.
        um dia v começa a pensar com o cérebro e aí o Brasil tem chance de melhorar.
        pensar com as viceras da no que temos…

        Curtir

  • Fernão, vc está coberto de razões. Todavia, diante do quadro que se apresenta com o Aécio infelizmente derretendo, qual a alternativa a mandar os petralhas pra casa? Essa visão arbórea e pequena da Marina, diante do mundo atual sobretudo da economia que tanto precisamos ao desenvolvimento, o que nos resta senão ela e a esperança em gente competente como o André Lara Resende e outros e que poderão agregar ao futuro governo e que com ele criaram o plano Real. Confirmada a tendência, não temos espaço senão ela, Marina que não é a minha preferência mas a única.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Realmente somos os Quatrocentões Paulistas, não temos “coisa nova” e continuamos mal informados, já esquecemos a estória do Boi do Maranhão que foi censurada, não vimos nada, não sabemos de nada, o que é isto companheiro? Tanta coisa né que esta ai, o Malufão ainda tá ai? e os Mensaleiros tão ainda na Papuda? Quer saber mais, leia o ESTADÃO.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    A Marina tem de bom o ITAU, o EDUARDO GIANNETTI e OS EVANGÉLICOS. http://youtu.be/kxp1aIKuxH0

    Curtir

  • Gerso Brum. Pedoe-me lembrá-lo que somos nós paulistas que carregamos o Brasil na tecnologia no nestimento privado, no trabalho inclusive na educação com nossas Universidades. Sim, quatrocentões tratados de forma irônica por vc, antes isso do que a miscigenação entre prostitutas, degredados, escravos e indios e adicionados ao clima deu no que deu, ou leia Celso Furtado, Sergio Buarque de Holanda , Caio Prado Junior ou quem quiser, mas leia. Nom Ducor Duco

    Curtir

    • Gerson Brum disse:

      Cobucci, você deve ter lido alguma resenha da Veja sobre as obras que menciona. Elas não traduzem nada disso que você alardeia como verdade definitiva. Sua interpretação é tendenciosa e racista, para não dizer fascista! Você deve ter dupla cidadania e esbaldar-se votando no Berlusconi (que, aliás, sabe tudo sobre prostitutas),não porque ele seja bom, mas porque tem os olhos verdes.

      Curtir

  • Não Gerson. Eu estudei, aliás fui aluno do Celso Furtado. Não sou racista nem fascista que conheço muito bemc, Leia J.K Galbraith ” a Natureza da pobreza das massas” e vc vai aprender um pouco. Todavia, vc deve fazer parte da minoria rancorosa com tendência a não enxergar o obvio, não raro por preguiça, e desconsiderar o sucesso de muitos diante do fracasso de alguns poucos., porque vcs enxergam o mundo e o Brasil em especial de forma bolivariana do século 21 aC, e daí o ódio que nutrem aos bem sucedidos sejam ou não países ou regiões , seguindo o credo da inveja.Quanto as nacionalidades tenho sim duas e gostaria de ter 3, 4, ou 5 tudo que possa facilitar minha vida., sobretudo orgulho-me de ser Paulista a quem vc deveria agradecer todos os dias por existirmos. Um abs,
    PS. Quanto a Veja tenho lido pelos escândalos dos petralhas que nem roubar sabem

    Curtir

    • Gerson Brum disse:

      Desculpa Cobucci, ter ousado me contrapor a alguém tão bem sucedido! Parabéns.

      Curtir

      • Valéria Rodrigues disse:

        O problema dos “pragmáticos” que vêem Marina como esperança é que eles não a vêem. O fato de ter Giannetti e Lara Resende significa pouquíssimo no governo de alguém que tem o Decreto 8243 na cabeça. O Itaú, claro, vai nadar de braçada, como nadou nos governos do PT e por isso Neca Setúbal tem se dedicado há algum tempo à construção da sonhática. “Novas classes médias” virão por aí, claro, na esteira do MTST! E as liberdades vão indo para o brejo. Viva o corporativismo e o socialismo bolivariano!

        Curtir

  • Obrigado pelo reconhecimento. Antes tarde do que nunca. Não deixe de ler Galbraith e atente a pobreza entre o o equador e o paralelo 19 do hemisfério norte,e aplicando por curiosidade ao Brasil. abs

    Curtir

  • Eduardo disse:

    eu pensei que o Gabiru existisse por causa do Portugal e do Tratado de Tordesilhas, mas é por causa da seca, para baixo do paralelo 19 no hemisfério norte, interessante este sr.Galbraith, mais do que o Giannetti (do “Casa Grande e Senzala”) e o Gilberto Freire (do “Geografia da Fome”), não é Galbraith que escreveu “A riqueza das Nações”?
    Mas o “poblema” do Brasil como dizia o Josué de Castro é que estamos abaixo da linha do Equador. muito alem do paralelo 19 no hemisfério norte. Somos predestinados a sermos uma Grande Nação, Gigante por natureza e deitado em berço esplendido. eleitores do Lula, da Dilma e da Marina. Melhor de tudo isto só a explicação do Lula de o por que a terra é redonda.
    O Aécio quase chegou lá o que ele tem de bom é que ele não é Paulista, mas é nosso vizinho (MINAS GERAIS) e já é a sombra do Geraldo Alckmim.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    restou comentar a Dilma, o que ela tem de bom é o LULA e o BISPO!

    Curtir

  • Eduardo disse:

    vespeiro.com/2014/01/14/abaixo-a-revolucao/

    Curtir

  • Valéria Rodrigues disse:

    O problema dos “pragmáticos” que vêem Marina como esperança é que eles não a vêem. O fato de ter Giannetti e Lara Resende significa pouquíssimo no governo de alguém que tem o Decreto 8243 na cabeça. O Itaú, claro, vai nadar de braçada, como nadou nos governos do PT e por isso Neca Setúbal tem se dedicado há algum tempo à construção da sonhática. “Novas classes médias” virão por aí, claro, na esteira do MTST! E as liberdades vão indo para o brejo. Viva o corporativismo e o socialismo bolivariano!

    Curtir

  • Eduardo, não foi o Galbraith quem escreveu a Riqueza das Nações. Foi um tal de Adam Smith que já morreu mas a obra está a disposição em qualquer livraria. Vale a pena ler, pelo menos a orelha da obra porque a dele não dá mais, secou.

    Curtir

    • Eduardo disse:

      oi Marito essa turma nem parece que lê o ESTADÃO, passou tudo desapercebido, e era intencional (rsrsrs): Adam Smith é autor de RIQUEZA DAS NAÇÕES, que li em edição da Elliot para a Harvard University, quando esta editou uma biblioteca em que constava tudo o que mereceria ser lido na passagem do milênio, editaram até o Hino ao Sol do Akenaton, Eduardo Giannetti é autor de Auto-Engano, e é magistral com orelha gorda, Casa Grande e Senzala é de Gilberto Freire e Geografia da Fome é do dr.Josué de Castro. ambos com orelhas secas.
      Adam Smith tem orelha seca mas sabia onde era o Paralelo 19. E sabia que como é em cima, não é em baixo.

      Curtir

  • Eduardo disse:

    e Viva o FORO DE SÃO PAULO!

    Curtir

  • José Luiz de Sanctis disse:

    Entrou um petralha aqui que não conhece a história e a malignidade do comunismo – por seu um idiota útil como Lenin chamava esse tipo de gente, ou é cúmplice mesmo – que acha que quem diverge dessa ideologia retrógrada e assassina se baseia em leitura da Veja. Mas numa coisa eles são competente: fomentar o ódio e a divisão de classes. O modus operandi é sempre o mesmo: xingue-os do que você é; acuse-os do que você faz. Vai prá Venezuela ou prá Cuba, que já estão prontas! Aqui não!

    Curtir

  • Ronaldo disse:

    Fernão, não tem como filtrar comentários aloprados em seu Blog? O patrulhamento dos meninos do tio Franklin, pagos com o nosso pobre dinheirimho, está em toda parte perturbando os poucos ambientes sadios, liberais e democráticos que ainda restam. Basta! Vão cantar em outra freguesia! Ideias são sempre bem vindas. Já patrulhamento com discursos prolixos e vazios, simulando cultura e conhecimento, vá de retro!

    Curtir

    • Gerson Brum disse:

      Epa! Foi cutucar o monturo para saltar ratazana para todo o lado! Isso aqui, entendi, é uma seita! Não precisa filtrar nada. Deixem continuar passando a sujeira inteira, dentro da rotina que eu quebrei, mas não quebrarei mais. Divirtam-se, mas cuidado! Uma hora dessas vcs podem ter o dissabor de ver jegues amarrados no Ipiranga.

      Curtir

  • Gerson, seria engraçado ter jegues no Ipiranga, Por acaso seriam aqueles de Brasília mamando e comendo no Palácio do Planalto transportados pra cá?, Do jeito que vão as pesquisas vai ter muito petista procurando capim pra comer, porque os fornecidos pelo Estado vai acabar. Francamente, vc acha que este governo é sério, competente? Em caso positivo me mostre, por exemplo, diante dos resultados apresentados ontem do nosso comércio exterior, qual a contribuição de Cuba e o porto, a Venezuela e a dívida não paga da Usina Abreu de Lima e da Bolívia que expropriou um refinaria da Petrobrás e foi apoiado pelo filho do barril, digo do Brasil, o Lula. Em sã consciência me informe quais os benefícios pro nosso país dessas ações em apoio esquerda`, burra como tratava alguém que vcs odeiam o Prof. Roberto Campos, o mesmo que humilhou o cubanófilo Marco Aurélio top-top- Garcia no Roda Viva. Vc se lembra? abs

    Curtir

  • Eduardo, é por aí,rsrsrsrsrsrsrsrs. Esses que usam da internet à atender, graça$ a vantagen$ o$ interêsses do PT, é bom procurar emprego porque sinecuras estão próximas do fim,

    Curtir

  • honorio sergio disse:

    Sou totalmente apartidário, moro em uma cidade do interior paulista, trabalho em uma autarquia municipal, e pelo que vejo aqui na minha cidade,no meu emprego e na política nacional, todos os políticos, correligionário,membros de comitê, assessores, etc.sem exceção, só existem para uma finalidade, extorquir e desviar dinheiro do contribuinte, iludi-se quem supõe que votando nesse ou naquele candidato, pertencente a essa ou aquela legenda partidária, vai melhorar a situação em que se encontra o Brasil. O que resta é essa discussão vazia, como discutir religião ou time de futebol. Aqui nos comentários tem um exemplo da questão, o Sr. Maluf tem mandato de prisão em 140 países (se não me engano) e no entanto está ai faceiro, concorrendo a mais uma eleição. Toda proximidade de eleição, começa aquela ladainha mentirosa, de que devemos votar conscientemente, escolhendo um candidato, não creio que meu voto vá mudar alguma coisa, nem sabemos se ele vai existir mesmo, pois é sabido que essas urnas eletrônicas e sistema de apuração, pode ser vicioso. Mas o brasileiro ( de qualquer classe social) é assim, acredita que tudo se resolve com um voto de confiança.

    Curtir

  • flm disse:

    não posso falar senão por mim, honório, mas nunca esperei que qualquer voto fosse capaz de redesenhar a espécie humana, historicamente, porem, constato que a democracia tem podido fazer alguma coisa, senão para melhorar a essencia dela, ao menos para impedir que os corruptos possam seguir exibindo o seu sucesso como acontece em nosso pais PORQUE não ha democracia por aqui.
    o voto desta eleiçao é isso: afastar de vez qualquer esperança da democracia entrar no Brasil ou manter essa porta aberta.
    não é muito mas é muito.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Olha Marito Cobucci, que tem Jornalista vendido, melhor dizendo comprado pelo PT, e internautas aloprados defendendo o indefensável, isto tem aos borbotões. Asseguro-lhe que não é o caso do nosso estimado Fernão Lara Mesquita. Ele não é dono de uma sinecura nem precisa de grama de corrupto. Aqui estamos diante de uma estirpe de Jornalista de raça nobre, que sabe diferençar alhos de bugalhos. O fato, e é a função de jornalista noticiar os fatos, é que estamos diante de uma eleição em que o Brasil está num mato sem cachorro, é preciso ascender um farolete na escuridão, se possível o jornalista deve ser apartidário, mas creio que ele também deva formar opinião. E em opinião o Fernão é “bão”. Nesta hora temos é que dizer em alto e bom som: VAMOS VOTAR NO AÉCIO NEVES. O canto de sereia da Marina quase nos enfeitiçou. Dilma PT Lula nunca mais. O Maluf é caso pra Interpol.

    Curtir

  • Eduardo, conheço o Fernão, aliás bem jovem uma vez amigo do irmão Ruizito. Portanto por parte dele só elogios e, claro, algumas divergências normais. Quanto a esses internautas servem para divertir-nos do que procurar entendê-los e nisso inclui-se alguns muitos jornalistas pagos via empresas estatais ou aquelas penduradas no Estado. Embora cético em relação aos políticos tenho convicção que a sociedade sabe distinguir, nesses momentos, aqueles a serviço do governo. A vida está tão difícil diante de uma economia com viés ideológico socialista dos século 21 a.C, que não precisa nenhuma genialidade a entender da mediocridade desses petistas em tudo que se metem. A propósito, vc conheçe algum desses que na vida privada teve algum sucesso enfrentando riscos e desafios? Eu não conheço nenhum e sou da geração de muitos deles que primavam pela vagabundagem e reclamações contra tudo e todos. Por isso, caro Eduardo, usemos dessa gente a nos divertir enquanto há tempo porque o fim está próximo. Francamente, nesses 50 anos em que acompanho a política pensei ter visto de tudo de ladrões a assassinos, mas jamais tinha visto tantos medíocres juntos com poder de decisão, segundo Carlos Lacerda. seria este o pecado da inteligência,, lembrada em reportagem que se transformou em livro pelo Ruizito e se me lembro o Fernão teria tbm participado realizada no sítio do Rocio em Petrópolis.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    o Fernão é meu vizinho de porteira no Chatão Mineiro, onde sou Pecuarista e ele é um mega-seringalista. Sonho Grande do Ruy Mesquita. Não é só a Marina que conhece seringais. O Fernão deve morrer de preocupação com o seu vizinho dr.Eduardo (cardiologista), vai que eu resolva plantar Cana, como todo mundo fez quando o Lula incentivava a se plantar canaviais enquanto organizava o PETROLÃO (será que a Papuda aguenta tanta gente!) rsrsrs Canaviais não são muito legais ao lado de seringais.

    Curtir

  • Eduardo,
    Pense no seguinte: são 3 os pilares que sustentam qualquer nação. Exército, Energia e Alimentos. Quando os países investem em segurança( as 3 armas) não fazem cálculo de retorno econômico ou financeiro. pensam no valor da segurança. Na energia veja os investimentos com a exploração do Xisto e o retorno no preço do gás. E dai vem o etanol do milho mais caro que o da cana de açucar. O milho é deles e o custo do etanol por ele produzido nos EUA é mais barato do que dependência da política ao Óleo do Oriente Médio, mesmo com petroleiras americanas lá produzindo. Pois bem! O asno do Lula sem quaisquer estudos por parte de seus assessores, Ministros etc, saiu cantando mundo afora dos benefícios do nosso etanol como se os grandes consumidores fossem ingênuos, acreditando numa nova matriz energética produzida no Brasil!, com uma política externa voltada e contrária aos países do chamado “Norte” desenvolvido encabeçado pelos EUA!, burramente não considerando ocorrências no Oriente Médio e os custos que infringiram as economias, para nós, desde a época do Geisel.
    Então, demagogicamente o Lula incentivou o plantio, investimentos em usinas, destilarias e, o governo petista conseguiu a façanha em destruir o que pensava reerguer, mesmo como considero o nosso etanol de bom tamanho se atendesse, pelo menos, ao mercado interno. Recentemente a Associação deles informava que muitas usinas deixaram a associação por falta de condições em pagar a anuidade que é de um % sobre a produção/faturamento não sei ao certo. Em suma, por falta de visão, planejamento típico dos medíocres, o petismo administra por expedientes levados por emoções momentâneas com viés ideológicos.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Marito o setor sucro-alcooleiro virou um bagaço. A Petrobras e a Eletrobras quebraram. O Brasil quebrou. Graças a Deus o Fernão sempre aconselhou-me a não plantar cana. O interessante é que foi meu pai o dr.Fábio e o Olacyr de Moraes (rei da soja) que aconselharam os Mesquitas a plantarem seringais.
    Se você é da turma do Ruizito voce deve ter tomado umas biritas com o José Ignácio (desse álcool a turma gosta) e fumado uns charutos cubanos de Fidel.
    O Fernão treina aqui para escrever no Estadão. De vez em quando a turma deixa ele escrever alguma coisa lá, mas dizem que para escrever no Estadão tem que saber muito bem português, português castiço, a flor do laico. ele gosta mesmo é de hebraico. Como sou pecuarista cardiologista eu gostaria que ele escrevesse sobre o Boi do Maranhão, você ouviu este causo, dizem que até o próprio Estadão foi censurado para não falar nisto. O sr. José Ignácio também não gosta que se fale que ele gosta de álcool- água que passarinho não bebe, até apanhou bronca de jornalista, expulsou do país um jornalista norte-americano.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Ei Gerson Brum, a Marina é a viúva do Eduardo Campos, né!

    Curtir

  • Eduardo disse:

    thoth3126.com.br/petrobras-ex-diretor-faz-acordo-e-denuncia-corrupcao-bomba/#more-27561

    Curtir

  • Eduardo, “boi do maranhão”?, não é o que levou o Estadão a censura e até hoje o recurso não foi julgado no TJ de Brasília- epicentro da corrupção- Corrupção é denominador comum entre partidos, uns mais outros menos, em síntese todos e os que não gatunam mamam e mamar é difícil provar. Médico vc deve conhecer a teoria de Cesare Lombroso, considerado o pai da criminologia ,adepto da fisiognomia que indicava das características físicas de loucos,, criminosos e outros diante de pessoas “normais. Considerada a teoria preconceituosas ou tendenciosas mesmo assim se vc verificar as fotos publicada na Veja de hoje, desses envolvidos no escândalo do momento-delação premiada do ex-diretor da estatal- vc verá claramente o que ele chamou de ” Lo uomo delinquente” os predestinados ao crime. Exagero ou não veja as caras e dá pra acreditar na teoria. Tem um tal de Mario Negromonte que seria o biotipo atual de Lombroso.

    Curtir

  • Viúvas do Medici? Gerson, em que mundo vc vive?, será o da provocação num site tão sério onde se discute, propõe-se idéias à melhorar o Brasil depois do tsunami petista. Não sei a que ponto ou sei demais de sua sensibilidade até orgânica aos momentos que a corrupção adicionada a ineficiência dos petralhas nos levou. O que justificaria essas ocorrências? O viés político dos fracassados, daqueles que vc enaltecem e afundam os países que governam. Quais os paradigmas do petismo? O assassino e ditador Fidel Castro, o idiota do Nicolás Maduro que birutamente está mudando o “Pai Nosso” para começar por Chaves!, a caloteira Kirshner?, o da Bolívia que roubou uma refinaria da Petrobrás apoiado pelo Lula. Quem, pelo menos diga um. A propósito do filho do barril , veja na tv na apresentação que ele faz do PT, atentando na face pra orelha direita dele, esquerda de quem assiste, e repare que está pontuda!!!. Lembrando algo demoníaco, nem digo Satanás pra não ofender o príncipe das trevas.
    Quanto a nossa, segundo vc, su viuvez goste ou não, prefiro que não, lembro de que foi o período em que mais o Brasil desenvolveu na economia, na infra que até hoje está aí, na educação-Mobral- na saúde entre tantos benefícios como o da moralidade e respeito. Afora a restrição a liberdade, que confesso nunca me atrapalhou, tínhamos segurança e não assassinos, maiores e menores protegidos pela demagogia petista, ladrões idem e futuros corruptos ibidem, que foram treinar em Cuba e nem isso aprenderam uma vez pegos.. O que falta a vcs da esquerda decadente e rancorosa começa pelo equilíbrio em saber distinguir o certo do errado assim como o sagrado do profano. Quem sabe por falta de religiosidade-qualquer uma, não confundir com a dialética marxista que algum de vcs seguem pavloniamente.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Não precisamos nem recorrer a Lombroso e a Pavlov para entender o comportamento desta turma. a gente entende o que é linguagem corporal (feeliing) e lapsi-linguae. A índole é terrível, que o diga o TUMA com o seu ASSASSINATO DE REPUTAÇÕES, o caso Celso Daniel, o Mensalão, o Petrolão, o caso da Amante abonada, o Palocci, o caso do filho do Lula, o Zé Dirceu, o Genoino, a grana no cuecão, o carnaval da Papuda.
    Viuva do Médici, passou longe da trave, minha tia era filha do Ranieri Mazilli. Conheço bem a ditadura militar, fui aluno do Ginásio Vocacional. Hoje sou Membro da maior instituição científica do mundo, a NYAS= New York Academy of Sciences, do staff (conselheiro) da White House- governo Michele e Barak Obama. O Pentagono conhece muito bem esta patota. E asseguro a ditadura militar para os brasileiros foi bem melhor que esta que esta ai, a do PT. Não tenho ainda passaporte italiano, mas vou providenciar.
    http://www.escandalodomensalao.com.br/

    Curtir

  • Eduardo, pareçe que o Vespeiro é só nosso!, Logo o Fernão nos suspende or abuso!! O que é bom desse blog é mostrarmos opinião, provocamos e discutimos. É assim que funciona uma sociedade civilizada que os petralhas não querem entender, porque pra eles não existem opiniões contrárias, só inimigos. Algo que me preocupa, claro além da eleição presidencial, será a dos deputados federais. Tive a santa paciência em assistir a apresentação no horário político, confesso assustador mesmo com aqueles candidatos voltados a poucos votos mas que importam à legenda. Não podemos deixar de considerar de que o Congresso em especial a Câmara é uma amostragem da sociedade e com relativa ponderação, como acreditavam os militares e nisso prejudicaram São Paulo, justificando que tendo o poder econômico seria muito risco ter o poder político. Proporcionalmente o Acre, digamos, tem mais representantes que SP. O maluco do Collor só caiu porque perdeu apoio na Câmara, o Lula só não foi cassado pelo mensalão pela corrupção que instituiram. É aí que mora o perigo.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    acho que o Fernão vai nos detonar, mas eu tenho que mandar do Médici umas palmadas no bum bum do BRUM BRUM, uma aulinha de história.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    acho que o Fernão vai nos detonar, mas eu tenho que mandar do Médici umas palmadas no bum bum do BRUM BRUM, uma aulinha de história.

    Curtir

  • Gerson Brum disse:

    Eduardo, estou sem tempo agora. Estamos terminando a concretagem da laje de um vizinho. Depois, tem um churrasquinho, vamos bater um pagode e eu tenho que atacar de reco-reco. Você sabe, sesta, Esquenta, Faustão, futebol e aí se vai a tarde! E amanhã levanto muito cedo, 3 ônibus…você sabe, estou sem tempo.
    Ademais – com meu QI abaixo de 40, ou inferior ao paralelo 19, nem sei, estou confuso com tantas lições e nunca fui bom de matemática – estou estacionado. Ainda não consegui entender os ensinamentos do Cobucci (02/09) quando afirma, antepondo um quatrocentismo de que não sei se desfruta, “que a miscigenação entre prostitutas, degredados, escravos e índios e (sic) adicionados ao clima deu no que deu”. Estou intrigado por ele não ter mantido a coerência do seu texto e ter usado o termo escravo, ao invés de NEGRO. Por quê será? Aderência ao politicamente correto ou matreirice nestes tempos de caça aos racistas?
    Companheiros, desculpe o termo, tenho uma dúvida: por quê o corpo docente é tão variado se todos os mestres ministram a mesma matéria? Por quê toda essa unanimidade? Como os senhores se conformam com um vespeiro em que só entram pólen e néctar? Por quê não aparecem mais varas de bambu?
    Isto está longe de um vespeiro. Parece uma colméia de jataí…sem ferrões e com um melzinho aguaaaado!

    Curtir

  • Se te deixa feliz Gerson, então vai NEGRO. Menos mal seu problema é com a pigmentação. Aproveite o pagode. Atenção com a concretagem que deve ser feita por profissionais e exigem cálculos, a menos que vc seja ou tenha algum engenheiro civil. Caso contrário pode cair e acontece com muitos curiosos em engenharia. A ciência não deve ser descartada a favor da vontade como está ocorrendo na economia do Brasil, e hoje é dia dele. Comemore. Divirta-se na laje e bom domingo.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    NÃO TENHO TEMPO
    (“Noli me tangere”-como pode um cego dirigir outro cego)
    O moço não tem tempo
    para este momento
    Belo argumento
    para a carência de pensamento

    O ataque é sua defesa
    Mas ele é fácil presa
    Afoga-se na represa
    da divertida surpresa

    Um favo de jatai
    Adoça o amargo do que esta ai
    Mas ele vai por ai, ele vai por ai
    Querendo mais bambu, para atiçar a vespa

    Quando a coisa encrespa
    Ele até enruga a testa
    E nem por uma fresta
    Ele enxerga o melhor da festa

    Tem que erguer a lage
    Quer melhorar a imagem
    Esta sem coragem, vendo miragem
    Não quer mudar a paisagem

    Melhor a TV, o pagode
    Umas biritas, umas lorotas
    Assim ele melhor se explode
    Do conscientizar-se ele foge

    Amanhã tem a correria
    Do dia a dia em estrepolia
    E já esta estupefato
    Com um grande grato fato

    Cutucou uma colmeia
    Elegeu seu candidato
    só olhando o retrato
    Coitado do “abestado”

    Ficou confuso
    É um obtuso
    Fora do fuso
    É um intruso

    Não conserta a vida
    Cheia de ferida e rebeldia
    Conserva a galhardia
    De se estrepar na via

    Atrapalhando o transito
    De quem ampliando o Horizonte
    Enxerga distante o que é o bastante
    a melhor Fonte, a melhor Fonte

    Para matar a sede e a fome
    Do verdadeiro homem
    Que transforma a realidade
    Acreditando na Deusa Verdade

    dr.dudu, 07-09-2014

    Curtir

    • Gerson Brum disse:

      Doutor Dudu, que sofisma,
      Ser seu “muso” inspirador.
      Vou cuidar da minha rima,
      Com Dudu me dá pudor!

      Parece ter gosto por poemas,
      Demonstrações e postulados,
      Hipóteses, solução de problemas,
      Deixa a alguns encantados!

      Delicia-se em confraria risível.
      À direita da direita da direita,
      Difícil manter o nível?
      Seita suspeita…estreita.

      Antecipou-se a você um protetor,
      Colega e correligionário.
      Marito, o nome do senhor,
      Prolixo e reacionário!

      No debate com vocês,
      Restringi-me a analisar seus papéis,
      Em um “blog” de clichês,
      Que indico para bedéis!

      Não sou Lula, Dilma ou PT,
      Jornalista, ou economista.
      Não freqüento clube privê.
      Fui feito prá quebrar crista!

      Para vocês, paranóicos burgueses,
      Os fora do seu estreito círculo,
      Trabalhadores, operários, reses?
      São objeto de muxoxos, tratados como furúnculo.

      Eruditos eleitores de Jânio,
      Maluf, Fleury e Collor,
      Preconizam o voto tacanho,
      Sufragarão o bolor!

      Dói em vocês o Lula,
      Pois iletrado e sem berço.
      Preferem até o Cacciola,
      Banqueiro prá calabouço.

      Dói em vocês a Marina,
      Ex-doméstica e seringueira,
      Cafusa, pobre menina!
      Preferem o Cachoeira!

      Extasiou-se com seu poema,
      Meu coração dito comunista,
      Conseguiu ver na sua rima,
      Excelente cardiologista.

      Reconheçam que os divirto,
      Quebrando suas rotinas,
      Também gosto do seu circo,
      Mas não das suas doutrinas.

      Me despeço de vocês, vou sentir saudades.
      Fiquem entre vocês, como se sentem melhor.
      Troquem loas, exercitem as vaidades,
      Isso não é para mim, amador!

      Curtir

  • Eduardo disse:

    errata – *estrepolia = estrepulia

    Curtir

  • Eduardo, valeu o domingo!, o bambu, o jatai, a vespa, a miragem tudo pra se divertir com as biritas na laje,

    Curtir

  • Gerson, vc me surpreendeu. É sempre assim ou só depois de churrasco na laje?

    Antecipou-se a você um protetor,
    Colega e correligionário.
    Marito, o nome do senhor,
    Prolixo e reacionário!

    Gostei do texto em especial do meu verso com prolixo e reacionário. Sou, não nego. Tá feliz?, depois de tanto trabalho na concretagem, que espero tenha dado certo vc merece. Escreva o que quiser, porque amanhã, depois de acordar, vc volta a ser o bolivariano e eu continuarei igual, prolixo e reacionário feliz em ajudar a defenestrar os petralhas.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Este camarada, o Brum Brum, deve ser das FARCs, mas disFARÇa bem, PORQUE é fã do Faustão, gosta de sesta e pagode. Gabola, talvez 7 x 1 bom de bola, com reco-reco rebola, mas falta-lhe caixola, precisa mesmo é de Mais Escola.

    SEITA ESTREITA
    (“NÃO SOU CONDUZIDO, CONDUZO”)
    A menina nos deleita
    Quando em rimas nos rejeita
    A que vexame não nos sujeita
    Mas aqui tudo se ajeita

    Somos Seita Estreita
    Que a tudo endireita
    Illuminatis quatrocentões
    Retificadores de corações

    Ah! Como queremos uma boa colheita
    Com a Razão eleita para uma Democracia perfeita
    A bandidagem na carceragem, carro novo na garagem
    O trabalhador na casa fazendo concretagem

    Os professores com coragem
    Os Bancos e os impostos sem agiotagem
    O enfermo com Médicos e enfermagem
    O povo sem drogas alucinação e miragem

    Tudo se endireita nesta aventura mal feita
    Quando julga-nos o que não somos
    Não quer saber e não sabe o que propomos
    É massa de manobra que o Brasil não controla

    Gabola, com reco-reco rebola
    Talvez 7 x 1 bom de bola
    Se não contrair o vírus Ebola
    Sem caixola precisa de Mais Escola

    Pensa que somos Burgueses
    Do Bolsa família fregueses
    Pensa que pensa e não distingue o Certo do Errado
    Pensa que pensa e não distingue o Profano do Sagrado

    A escória escolhe
    O melhor desta vida tolhe
    Em murmúrios se recolhe
    Não tem a quem por ele olhe

    Se contrapões ao prolixo reacionário
    Quer mesmo é mamar um bom numerário
    Não se importa com nosso Brasil funerário
    Ora bolas, deve ser do PETROLÃO funcionário

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Se contrapõe ao prolixo reacionário
    Quer mesmo é mamar um bom numerário
    Não se importa com o Brasil funerário
    Muito menos com o Fator Previdenciário
    Ora bolas, deve ser do PETROLÃO funcionário

    Curtir

  • Eduardo valeu. Deixa o nosso Gerson ler a Veja e as justificativas. Depois voltaremos aos pueris.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    MARCITO. Já li a VEJA, mas tenho muito medo do REINALDO AZEVEDO ele tem armas químicas REINALDOX
    http://www.thaisagalvao.com.br/2014/09/06/veja-e-o-petrolao-leia-a-integra-da-reportagem/

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Se o FERNÃO tivesse um “inseticida”, já teríamos sido detonados, flit-flit, mas o bonito é a liberdade de expressão, ou estamos cometendo um abuso, temos que a isto reforçar, como dizia o nosso amigo Krishnamurti, “eu posso estar errado, você pode estar certo; se dialogarmos estaremos próximos á verdade”, ou como Voltaire “posso não concordar com o que dizes, mas sempre defenderei o direito de o dizerdes”. É temos que cuidar de nosso Jardim. Onde anda o FLM?

    Curtir

  • Marcito sou eu Marito ou tem Marcito?!. Não li o Reinaldo Azevedo, porque fiquei atônito com a contundência e não a ocorrência na Petro, cabide de emprego e epicentro da corrupção petista. Eles são burros até nisso. Fazem de um diretor o meio campo à gatunagem e não imaginam que o mesmo, um dia, ou seria pego ou iria pra chantagem como aquele Ronam no caso Celso Daniel. Tudo embaixo do nariz da Dilma e ela não ve nada que possa atingi-la ou seus colaboradores em prejuízo da campanha eleitoral. O bovino Lula não sabe de nada, ninguém sabe, ninguém viu é tudo mentira coisa da oposição e tudo continua como se nada tivesse ocorrido. Os culpados são os de sempre, a Veja, o Estadão e o Globo e de vez ou nunca a Folha. Por isso querem controlar a mídia, embora grande parte já esteja sob controle graças as publicidades oficiais e em especial da Petrobrás, mostrando sempre o mesmo do mesmo, só não mostrando os prejuizos na compra cara e venda barata de petróleo.

    Curtir

  • Quanto ao Fernão não sei. Quem sabe embarcou para “Um mar sem fim”, demonstrando juízo e aproveitando da idade com a família. Quisera eu, que tive tantas oportunidades e burramente não aproveitei, e agora não tenho saco em sair de SP, nem mesmo para Campinas onde nasci, tenho muitos amigos, irmãos, e fiz minha 1a graduação. Vamos rir, biritar de vez em quando e aproveitar ao máximo porque a luz no fim do túnel é de um trem em nossa direção.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Campinas, morei lá quando depois da residencia no IMC_Instituto de Moléstias Cardiovasculares em São José do Rio Preto, (Cardiologia) frequentei a PUC de Campinas (aprimorando-me também em Medicina Interna- tenho dupla especialidade) no Serviço do dr.Silvio Carvalhal, Hospital Celso Pierro. O dr.Silvio Carvalhal também era da UNICAMP e era responsável pelo Serviço de Verificação de Óbitos de Campinas. Um grande Mestre. Sou vizinho do Fernão neste “um mar sem fim”.
    Fernão, embarcado para “um mar sem fim”, só pode estar no Rio Grande, por cima do Aquífero Guarani. Conheça o Rio Grande em Minas Gerais. Veja como funcionou as idéias de visionários como a gente, com a corroboração do Deputado Nárcio Rodrigues (PSDB) – Aécio Neves – veja a maravilha que construíram (HIDROEX) em Frutal, o maior projeto de Investimento do Estado de Minas Gerais e sob os auspícios da UNESCO = ONU, Fundação Jacques Costeau e outras instituições.

    Curtir

  • Eduardo, incrível!, tanta coisa bem feita e pouco ou nada se conhece.É um dos nossos males em não se interessar tbm porque a mídia não dá atenção não despertando o interesse da sociedade. Se fossemos um país mais sério, com pelo menos um pouco de patriotismo e não patifaria pelo poder, o próprio governo federal deveria promover essa região, um polo de desenvolvimento comprovado, cultural e turístico. Vc nota nos EUA e mesmo na Europa o quanto eles valorizam o que tem . Isso é desleixo, comodismo e fruto da vagabundagem explícita que não se interessa por aquilo que não rende votos e ou possibilidade de corrupção. É triste mas verdadeiro que o “interesse pelo vil metal”, é o que mais apetece a esquerda em suas ações desordenadas como verificamos pelo próprio Zé Dirceu a um dos fundadores do partido e ex-PT -do MP de cujo nome não me lembro- com relação aos 40 milhões de votos do bolsa-família.
    Eu fiz Direito na PUC Campinas 1964/1968, e um de meus primos Roberto Tullii fez medicina na UNICAMP 1964/1969. Estou com 70 muito feliz. Segundo o Millor ” rejuvenescer qualquer idiota consegue, o talento é saber envelhecer com dignidade”

    Abaixo site de um blog que vale a pena ser lido

    Delator da Petrobras deixou Dilma sem sentido
    – 08/09/2014 –
    http://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2014/09/08/delator-da-petrobras-deixou-dilma-sem-sentido/

    Curtir

  • Eduardo. faça o favor de enviar os 3 para meu filho Mario que é especialista em Gerenciamento Ambiental pela ESALQ- USP e faz MBA na POLI-USP em Governança e Tecnologias Digitais na Sustentabilidade. Será muito útil as dele pesquisas.
    O e mail é mcneco45@gmail.com

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Marito, nós lemos o Estadão e sabemos que o Capeta é mais peludo do que se pensa. Onde esta o impeachment, o fora Dilma. Acho que não deveria ocorrer eleições, é um recall do povo. Onde esta a OAB, os juízes desta Nação. os advogados. Deve ser duro ser advogado num pais sem leis, não.
    pt.wikipedia.org/wiki/Impeachment

    Curtir

  • Eduardo, não adianta com o Congre$$o que temos e pode piorar! O Lula deveria ter sido mandado embora diante das declarações do Zé Dirceu no depoimento à Câmara, quando claramente disse que ” não fazia nada que o Presidente não soubesse”. OAB é ativa em direitos humanos, índios, menores assassinos, infratores em geral, porque atende ao interesse de minorias que se aproveitam dessa condição, e tem o apoio da mídia, antropólogos, sociólogos e ociólogos das Ongs em geral. Não dá pra levar a sério como nunca levei. Fazem da Ordem trampolim à sonhos maiore$.

    Curtir

  • O avô do Fernão, Dr Júlio Mesquita Filho, foi que escreveu esse editorial, libelo maravilhoso que poderia ser publicado novamente.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    pois é, né
    só para provar que É A ECONOMIA. ABESTADO, um leve comparativo para demonstrar que como é encima não é embaixo
    http://www.whitehouse.gov

    Curtir

  • Eduardo. Não entendi. Sou eu o “abestado”? ao comparativo sobre a economia norte americana e as pra baixo do Rio Grande?

    Curtir

  • Eduardo disse:

    claro que não, é um frase famosa proferida por James Carvlile:’ É A ECONOMIA, ESTUPIDO” , quer saber mais, leia o ESTADÃO – “É O BOLSO QUE DECIDE A ELEIÇÃO?”
    O RIO GRANDE se analisarmos é uma enorme falha de geopolítica e logística em estrutura de nosso país. É um rio que divide os dois mais ricos estados da federação SP-MG, estados lideres da nação, e todo o seu potencial turístico, pesca, transporte, navegabilidade (hidrovia?), incentivo a politicas de aprimoramento de seu bioma (cerrado) é totalmente não utilizado. Sabia que toda a produção agropecuária do Centro-Oeste do Brasil passa por duas precárias pontes no Rio Grande, indo em direção ao Porto de Santos. É o cumulo da estupidez. Puro Custo Brasil. http://www.es.wikipedia/wiki/Es_la-economia,-estúpido
    Bem, a chave do sucesso é a EDUCAÇÃO da gurizada, quem sabe surjam engenheiros que não construam hidrelétricas sem eclusas, matando o Rio.
    bigthink.com/ideafeed/can-children-deprived-of-arts-educations-still-grow-up-to-be-innovators

    Curtir

  • O Rio Grande a que me referi é no hemisfério norte, nos EUA quando usam-no como referência a dizer que abaixo dele a partir do, México, tudo funciona ao contrário, a começar pelas leis econômicas.
    Por esses dias assisti um filme sobre o aproveitamento da energia dos mares, . Em países nórdicos e em especial em Portugal onde já tem uma usina gerando energia através do aproveitamento das marés e mostrando ser mais efetiva no aproveitamento que a eólica diante da maior densidade da água salgada. Mostraram de duas turbinas sob um braço do Rio Hudson em NY, as quais iluminam um supermercado e algumas casas. Temos 8.mil km de fronteira molhada que poderiam ser aproveitadas e até onde sei nada foi pesquisado em nível de aproveitamento. Impressionante como a criatividade com a ciência se preocupa com novas matrizes energéticas, não só pelo CO2 mas tbm como aproveitamento comercial, como no Alaska, quem diria, no uso de energia solar não obstante 6 meses propriamente de escuridão e nevascas brutais. Tudo começa com a educação, veja a Coréia do Sul que ha 40 anos tinha o nível de Uganda. Na nossa geração a educação era mais exigente. Poucas e boas faculdades e hoje verdadeiras fábricas de graduação gerando uma geração de profissionais frustados pelo baixo aprendizado. Sou testemunha de empresas que antes de perguntar de sua graduação querem saber onde se formou, e tem um “index” de escolas não aceitas, aliás a grande maioria, porque sai caro treinar um despreparado. E acaba frustando o recém formado que tbm s tem sua parte de culpa em preferenciar escolas que aprovam quaisquer uns desde que o pagamento esteja em dia. São verdadeiras administradores de fluxo de caixa.
    Eduardo, sem educação nem a família sobrevive.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Marito, agora você ficará espantado e intrigado, não sei se você viu o francês ILLUMINATI Imperator Christian Bernard palestrando no Senado Federal Brasileiro. O vídeo é emblemático, muito bonito “las paroles”e demonstra que tudo que se fez em torno de LEIS AMBIENTAIS que neste pais está brutalmente equivocado e tem ingerência estrangeira.na verdade o que a ciência preconiza é a DEPOPULAÇÃO da terra.(assunto para outro momento), fala do Illuminati foi na ante-véspera da aprovação do atual Código Florestal. Um francês que na França não tem um pé de mato falando para os brasileiros para não desflorestarmos UMA AMAZÔNIA.. Pulmão do mundo. Brasil não desenvolvam! Eles podem, nós não, nós que devemos preservar para o mundo. Nossos recursos energéticos são finitos, balela. Recursos Minerais hoje tenciona-se até em serem prospectados em outros Planetas. Dê um átomo, e saberão o que é Energia do Ponto Zero, Não sei se você já ouviu dizer o quão retrogrado são nossas leis ambientais. Elas são um atravanco no desenvolvimento do país. Diz-se que até o fogo é nocivo á produtividade da terra. Na realidade, Pasmem, as terras mais produtivas do mundo são áreas vulcânicas. Diante de um incêndio na terra, é queimado na superfície o íon Alumínio, que é bactericida. Sob a ação da ausência de Alumínio, ocorre uma proliferação bacteriana e estas bactérias fixam Nitrogênio no solo = adubo. Até os índios sabem disso eles tem um sistema de ocupação do solo que se denomina “fazer coivaras”, pequenos monturos que tocam fogo. resultando o que chama-se “Terras Pretas”, Os indígenas tem também as “Terras Marrons”, que são áreas de restos alimentares e dejetos. Aqui, fogo na agricultura é crime. Sem dizer que áreas de preservação ambiental. não preserva nada. Isto deve ser feito (não sou anti-preservacionista) em vastas áreas (parques florestais, e com vigilância como a da Policia Montada do Canadá, sem ser entremeada com ocupação humana, 20% de área ou mais (depende da região) cercadas e não aproveitadas (Reservas Florestais) representa uma pressão sobre novas áreas de desflorestamento. expansão de novas fronteiras agrícolas é igual a novos desflorestamentos . Ao lado destas áreas, a ocupação humana, com a utilização de agrotóxicos na agricultura, dizima a população de insetos, abelhas, aves que são os fatores polinizadores das árvores, então, a tendencia a longo prazo é se auto-extinguir, elas ficam carentes de fatores de reprodução que é a polinização. Preservação que não preserva nada e atravanca o DESENVOLVIMENTO. Bem que o Brum brum alertou aqui só tem Polen e Mel.(rsrsrs)
    Mas porque buscar energia em HIDRELÉTRICAS,devastando nossos rios. são muitos melhores as USINAS MAGNÉTICAS. Você já ouviu falar em NIKOLAS TESLA? Em VICTOR SHAUBERGER?
    ENERGIA MAGNÉTICA É MUITO MAIS FÁCIL DE SER PRODUZIDA, TECNOLOGIA SIMPLES, ENERGIA LIMPA, MAGNETISMO, QUE FOI ABORTADA QUANDO O MUNDO POR INTERESSES ECONÔMICOS OPTOU POR ENERGIA ELÉTRICA!

    Curtir

  • Eduardo disse:

    VICTOR SCHAUBERGER

    Curtir

  • Eduardo disse:

    DEPOPULATION= ASPARTAME (Coca-cola), Organismos Genéticamente Modificados, Vacinas, STATINAS, anti-depressivos, uso de preservativos, etc

    Curtir

  • Eduardo, francamente não conhecia dessas informações absolutamente necessárias à mostrar das apreciáveis técnicas que vc nos mostra e das conhecidas ingerências estrangeira em fazer benefícios humanitários com o nosso solo a título em salvar o planeta enquanto nos prejudicam. Das nossas leis ambientais conheço um pouco via meu filho, especialista em Gerenciamento Ambiental, e mostra mais do predomínio do víes político a interesses demagogos e eleitoreiros Num país onde o governo apoia e financia os vadios do MST e congêneres, que só não querem é trabalhar e produzir,Fazer o que? Ou muda essa gente ou teremos que aguentar mais 4 anos em confronto aos com nossos verdadeiros interesses ao desenvolvimento.

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Decifrando Códigos

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Bem, a CIENCIA pode falar em TELETRANSPORTE, ANTI-GRAVIDADE, USINAS MAGNÉTICAS
    http://bluestarenterprise.com/

    Curtir

  • Eduardo disse:

    A Ciência pode falar em IMORTALIDADE com o conceito de SINGULARITY- A construção de um HOMEM-MÁQUINA utilizando achados de Inteligencia Artificial, METABIOLOGIA (transforma o código genético (GENOMA HUMANO) em linguagem de computador, os achados britânicos de Telomerase (telomero- parte do cromossomo que regula o período de vida humana), próteses, sensores, marca-passos etc etc etc
    http//singularity.org/

    http://www.en.wikipedia.org/wiki/Technological_singularity

    Curtir

  • Eduardo disse:

    A CIÊNCIA pode falar do que não posso dizer-lhes (DARP) Defense Advanced Research- pesquisas avançadas com fins de Defesa (guerras-biológicas).

    Curtir

  • Eduardo disse:

    “ASSIM COMO É EM CIMA, É EMBAIXO” medicina robótica em Barretos

    Curtir

  • Eduardo disse:

    Henrique Prata é ex-aluno do Ginásio Vocacional

    Curtir

  • Eduardo disse:

    O FIM DO MUNDO e de NOSSA CONVERSA

    https://www.cchr.org

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Marina e a democracia no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: