Seriam só bois que a JBS anda matando?

20 de fevereiro de 2013 § 5 Comentários

$1

O Estado de ontem noticiou que o Cade vai iniciar uma investigação sobre o crescimento vertiginoso do frigorífico JBS.

A JBS e a holding J&F “à qual pertence” é caso, no mínimo, para o dr. Roberto Gurgel e o seu Ministério Público, o último xerife que paira acima de qualquer suspeita neste país bichado.

Mas antes o Cade do que nada.

Diz a agência que eles triplicaram de tamanho nos últimos quatro anos, indo de 15% para o controle de 40% da carne bovina vendida no pais (na verdade, já é bem mais que isso).

Fora as que registraram no Cade, a JBS fez pelo menos outras 70 operações de aquisição ou arrendamento de frigoríficos no país e 20 ou mais no exterior que nem se deram o trabalho de comunicar à agência de controle da concorrência.

$3

Só os abatedouros e processadores arrendados somados constituiriam, hoje, o terceiro ou quarto conglomerado do setor, afirma o Cade.

Muitos dos arrendamentos, queixam-se os criadores que estão nas mãos desse monopólio, são feitos para fechar os abatedouros envolvidos e, assim, eliminar a concorrência.

E para completar o quadro, comentam os investigadores do Cade, “a já elevada capacidade ociosa da empresa torna essas aquisições questionáveis do ponto de vista da racionalidade econômica, reforçando as suspeitas de estratagema para eliminar a concorrência”.

O “caso JBS” é mais uma daquelas obviedades rodrigueanas, “que clamam aos céus”. Não só é evidente que não se trata de operação que responda a imperativos de racionalidade econômica como, mais ainda, todas essas compras têm sido feitas com dinheiro do BNDES, hoje caudatário do Tesouro Nacional, ou seja, com transferência líquida de dinheiro dos contribuintes para a “família Batista” que é quem aparece à frente desse vasto “empreendimento”.

$6

O fato de entre o primeiro e o terceiro colocado, encarnado pela soma das empresas “arrendadas” por esse mesmo grupo, estar a Marfrig, outra fabricação do BNDES, já indica de modo clamoroso que há, sim, forte racionalidade política nessa vasta armação feita com dinheiros públicos.

Seria uma forma eficiente de, por exemplo, resolver o problema que todos os governos socializantes, desde o primeiro lá na Rússia soviética, enfrentaram, de encontrar meios e modos de controlar o setor fortemente pulverizado da agropecuária e dos pequenos e médios produtores agrícolas, sempre um calcanhar de Aquiles nesses projetos de controle total da economia.

Acredite em coincidência se preferir. Mas que é preciso investigar a fundo porque interessa a um banco nacional de desenvolvimento de um pais mendigo de infraestrutura, educação e saúde gastar centenas de bilhões para fazer da família Batista não o rei mas o imperador do gado no Brasil e no mundo, disso não há dúvida nenhuma.

$1

Afinal, com uma migalha do que se enterrou na JBS, poder-se-ia, só para dar um exemplo, resolver a crise de todas as Santas Casas do país, que decorre de um endividamento de meros R$ 15 bilhões e ameaça por em colapso todo o Sistema Unificado de Saúde que atende a esmagadora maioria dos brasileiros que não podem pagar um médico e um hospital decentes.

Outro aspecto para o qual vale a pena olhar é o seguinte: quem tem a rede de empresas que o BNDES jogou nas mãos dos Batista em todos os continentes do mundo não precisa de bancos ou quaisquer outros canais para lavar dinheiro suspeito. É só “comprar” aqui, “vender” ali, “arrendar” acolá que tudo se resolve dentro de casa…

Não afirmo que é isso que esteja acontecendo. Mas quem não se lembra que meia hora depois que veio à tona tudo que estava enterrado na fossa da Construtora Delta, rainha do PAC filho da Dilma, no trono da qual sentava-se o ininvestigável Fernando Cavendish, o menos traquejado dos irmãos Batista jogou a holding da família na arena propondo comprar a empresa que acabara de ser declarada inidônea “de porteiras fechadas” antes mesmo de examinar qualquer um dos seus números, projeto de que só recuou em função do escândalo que tal oferta produziu num momento em que de escândalos este governo já estava superlotado?

$3

E mais: não é a J&S, também, que, com a gordura dos seus bifes, criou a sua própria empreiteira e está mordendo nacos suculentos das obras de infraestrutura que o PT está terceirizando para a iniciativa privada?

Não é ela, finalmente, que a par de financiar sozinha, por trás dos panos, inúmeras revistas e publicações pelo país afora, está começando a assumir agora também as suas pretensões no setor de mídia com a anunciada compra (ainda não confirmada) do Canal Rural do grupo RBS do Rio Grande do Sul?

Seja como for, uma coisa é certa. Muito pouco desse império supersônico foi construído com bifes ou com alguma secreta alquimia capaz de transformar carne de vaca em diamantes. Tudo foi amealhado com o inestimável concurso do dinheiro fácil do BNDES.

De modo que, senão por outra razão, ao menos por essa isso seria caso para o dr. Gurgel e o seu Ministério Público, mesmo porque o resto já morreu. Mas ainda que seja via Cade, que alguém precisa jogar um pouco de luz dentro desse imenso matadouro, isso sem dúvida nenhuma, precisa.

$6

Marcado:, , , , , , , , , , , , ,

§ 5 Respostas para Seriam só bois que a JBS anda matando?

  • Varlice disse:

    O frigorífico cresceu no governo petista, rapidamente, e da mesma forma se esvairá.
    Essa estátua com pés de barro não resistirá a uma investigação rasteira, caso Roberto Gurgel se interesse em descascar mais esse abacaxi podre e fétido deste o nascimento, já que a terra de que foi feita é da pior qualidade.
    Assim como Midas, a sina do partido dos trabalhadores (sic) é destruir tudo o que toca.
    Uma questão de tempo.

    Curtir

  • Em consultório médico conversando sobre política, a pessoa que trabalha em empresa então encampada pelo grupo JBS-FriBoi, disse que o filho do Lula é o maior acionista do grupo Será? que o MP aliado ao PGR investiguem a veracidade dos boatos se proceder que façam devolver o que tiraram do BNDES.

    Curtir

  • Nelson disse:

    Pergunte ao Respeitável Tony Ramos se ele conhece a realidade dos frigoríficos arrendados ou se ele leu o porque o MPT do MA esta multando em 5 Milhões por mas condições de trabalho – não cumprindo a lei – o que obrigaria o JBS a investir algumas dezenas de milhões na adequação das dezenas de unidades arrendadas por não atenderem a legislação – e agora que eles conseguiram ser o maior do mundo em proteína animal – com unidades sucateadas que serão devol vidas no fim do arrendamento – com certeza vão só apagar os incêndios com mínimo de gastos – quem não acredita , que conheça algumas unidades arrendadas no norte e nordeste ou procurem os promotores públicos – que tem dezenas de processos que são suprimidos por ordem dos governadores e do gov federal que e o maior sócio junto com o bndes – BB – CEF – filho do Lula e etc – até quando – se até a Globo esta comprada pelo seu grande anunciante – quem pode derrubar este castelo de cartas – como o do Eike – vão cair sozinhos !!!!!!

    Não esqueçam que também existe uma grande corrupção interna – que aos poucos vai limpando os cofres cheios do nosso pobre dinheiro …… Que deus dos ajude.

    Curtir

  • nei disse:

    isso e uma vergonha para o nosso pais,brasil.

    Curtir

  • Diego disse:

    Eu vendo carnes, impossível concorrer com a friboi, estão matando todos os concorrentes, desde distraidores a frigoríficos, estão criando um monopólio da carne, o mesmo que fez a Petrobras, Pão de açúcar e etc. Excelente para um pais como o nosso, rico de emprego.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Seriam só bois que a JBS anda matando? no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: