Vendo o Brasil na TV

2 de maio de 2012 § 1 comentário

É a arte que imita a vida ou a vida que imita a arte?

Ao fim de uma longa noite de feriado vendo o Brasil pela televisão ocorreu-me que as goteiras do Galeão, as compras de Carlinhos Cachoeira e o dicionário de ignomínias que recheiam as “comédias de costumes” da Globo e tratam de retratar/pautar o comportamento moral da família brasileira fazem parte de um todo.

Ou consertamos tudo isso junto ou vai tudo à rasca junto também.

Alguém vai ter de tomar a iniciativa de começar a mudar esse padrão. E é claro que os irmãos siameses politica corrupta x carlinhos cachoeiras é que não vão ser…

Marcado:, , , , , , , , , ,

§ Uma Resposta para Vendo o Brasil na TV

  • Varlice disse:

    Comecemos pela base: a família.
    Hoje mães saem de casa para trabalhar. Não têm tempo de ensinar os filhos o que toda mãe deveria. Não lhes sobra tempo. E, quando tempo há, compensam com outros acessórios mais vistosos do que a velha e boa educação – aquela antiga que vinha de berço -, por desconhecimento ou medo de parecerem severas demais. Afinal, elas também precisam sair bem na foto.
    Mimam, desvirtuam seu dever. Criam bolhas de segurança para defende-los de perigos, muita vez imaginários, e não percebem que elas minam a capacidade de sobrevivência de quem amam.
    Comecemos por ela – a família. Bem estruturada, todo o resto é consequência.

    “Teus filhos não são teus filhos
    são filhos e filhas da vida
    anelando por si própria
    Vêm através de ti, não de ti,
    e, embora estejam contigo,
    a ti não pertencem
    Podes dar-lhes teu amor,
    mas não teus pensamentos, pois que
    eles têm seus pensamentos próprios
    Podes abrigar seus corpos,
    mas não suas almas, pois que
    suas almas residem na casa do amanhã,
    que não podes visitar
    sequer em sonhos
    Podes esforçar-te por te parecer com eles,
    mas não procures fazê-los
    semelhantes a ti,
    pois a vida não recua,
    e não se retarda no ontem
    Tu és o arco do qual teus filhos
    como flechas vivas,
    são disparadas
    Que a tua inclinação, na mão do arqueiro,
    seja para a ALEGRIA”

    Kahlil Gibran

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Vendo o Brasil na TV no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: