Caio Coppola está iludido

28 de agosto de 2020 § 29 Comentários


O Brasil acha que acaba com 
a corrupção com polícia. Agora mesmo Caio Copolla argumentava nessa linha com seu debatedor na CNN.

Ilusão de noiva!

A história prova que reforma política é o único remédio.

Deu o exemplo errado com Tiradentes como personagem. Pois ele foi o primeiro a entender que só implantando aqui a mesma revolução que acabara de ocorrer nos Estados Unidos acabaria a corrupção que o atormentava e explorava. Os “conjurados” de Minas mandaram até um emissário aos EUA para pedir ajuda a Thomas Jefferson, que infelizmente não os atendeu.


Corrupção é, antes de mais nada, ausência de democracia. A justiça e o governo brasileiros só passarão a jogar a favor do povo quando a manutenção dos seus mandatos depender A CADA MINUTO da reconfirmação dele.

E isso só se consegue com a conquista dos direitos de recall de juízes e representantes eleitos num ambiente de legitimação transparente regido pelo voto distrital puro.

Marcado:, ,

§ 29 Respostas para Caio Coppola está iludido

  • Ethan Edwards disse:

    No meu entendimento, a primeira linha de combate à corrupção deve atacar o patrimônio do Estado, no sentido de reduzi-lo ao mínimo indispensável: privatizar as centenas de empresas, autarquias, companhias mistas e assemelhadas; reduzir o número de ministérios; transferir cada vez mais para os particulares atividades que hoje se encontram nas mãos dos governos (União, estados e municípios). Em outras palavras, reduzir a ação do Estado a funções que os cidadãos considerem realmente indispensáveis e fechar, desse modo, progressivamente, as torneiras por onde bilhões de reais pagos pelo contribuinte escorrem para os bolsos da privilegiatura.

    Um ambiente assim, que oferece a políticos e burocratas escassas oportunidades de enriquecer e conquistar privilégios, representa por si só uma poderosa vacina contra malandros em geral e ladrões em particular. Se a esse ambiente se acrescentam as vacinas do voto distrital, do recall e de outros mecanismos de fiscalização manejados pelos cidadãos, aumentam exponencialmente as chances de termos um dia um Brasil com baixíssimas taxas de corrupção.

    Oxalá meus netos possam viver nesse país.

    Parabéns pelo texto. Obrigado pelo espaço.

    Curtir

  • Robson Coimbra disse:

    Concordo 100% com voto distrital e recall, mas “atacar” o Caio Coppola também não ajuda, um dos poucos conservadores com voz nas mídias.

    Curtir

  • Herbert Sílvio Augusto Pinho Halbsgut disse:

    Fernão,seu texto é oportuno e penso que é um caso de polícia a manutenção a “foro privilegiado””,que protege os nossos representantes e os “representantes” de grupos nefastos que invadiram o Congresso Nacional, fazendo peteca do Estado Democrático de Direito, desdenhando a nossa já tão surrada Constituição Federal de 1988, que é chamada de cidadã,
    Solução; devemos iniciar pelo desengavetamento urgente urgentíssimo por Rodrigo Maia, presidente da Câmara Federal, da Proposta de Emenda Constitucional – PEC que propõe o fim do “foro privilegiado” dos parlamentares, que é o esteio da corrupção na administração pública.
    Realizada esta etapa, tendo a PEC aprovada e o foro extinto aí sim penso que teremos melhor ambiente nas Casas do Congresso para que os parlamentares e seus partidos venham a apoiar o estabelecimento no Brasil do sistema de voto distrital puro com recall, iniciativas e referendos. O povo precisa pressionar junto aos deputados e senadores em que confiam e conquistar muitos outros a serem corajosos para dar fim ao foro, afinal nem todos os congressistas tem rabo preso em processos cabeludos na Justiça.
    FIM DO FORO PRIVILEGIADO PARA REPRESENTANTES ELEITOS PARA AS CASAS DE LEIS NO BRASIL !

    Curtir

    • Herbert Sílvio Augusto Pinho Halbsgut disse:

      Complementando o último parágrafo do meu comentário acima:: … E PARA TODOS OS DEMAIS REPRESENTANTES ELEITOS. Obviamente.
      Enviei, 29/08, no sábado uma carta ao Fórum dos Leitores do jornal O Estado de São Paulo cobrando que Rodrigo Maia coloque em pauta urgente o fim do foro privilegiado como início do processo de se discutir no Congresso o sistema de voto distrital puro. Outros missivistas também abordaram a necessidade do desengavetamento que já dura 2 aninhos.
      Tema delicadíssimo para alguns parlamentares Brasil afora!

      Curtir

  • GATO disse:

    ILUDIDOS, estamos todos, sabem quando vai ter recall, never. Sabem quando vai ter distrital, never. Sabem quando vai acabar o foró (só se ressuscitarem o Gonzagão) privilegiado, never. Então, vamos cantar para os males espantar….It’s now or never…
    Festa com esse fundo musical e muito sangue que não seja de boi, pois é péssimo.

    Curtir

  • Nelevy disse:

    “Ou o Brasil acaba com a saúva ou a saúva acaba com o Brasil”

    Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

O que é isso?

Você está lendo no momento Caio Coppola está iludido no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: