16 de abril de 2020 § 10 Comentários

‪‪Bolsonaro vai livrar seus inimigos também das “culpas” pelo fracasso da quarentena (pq ñ há “sucesso” possível contra uma pandemia) para ficar com um ministro da Saúde desautorizado pelo STF. A solução real é a do artigo de Fernando Reinach no Estadão. Mas os governadores deixam?‬

Marcado:,

§ 10 Respostas para

  • Rey disse:

    Fernao, as vezes sinto que sua capacidade analítica fica prejudicada por paixões e opiniões inflamadas. A coisa é simples assim: quebrar o governo federal para que acordos sejam realizados e a “nomenklatura” volte a ter poder de fazer dinheiro a custa do favelao nacional.

    Curtido por 1 pessoa

  • Alexandre disse:

    Interessante o artigo do Reinach. As pessoas sentem falta de uma estratégia clara e que apresente uma luz no fim do túnel. Os governantes deveriam lê-lo.

    Sim, Bolsonaro não é inteligente nem esperto, e parece que, ao fim e ao cabo, vai mesmo ter que arcar com toda a culpa pelos cadáveres. E não faltam oportunistas por aí para se aproveitar – gente que, inclusive, roubou dinheiro da Saúde para sustentar campanha política e projeto de poder.

    Curtido por 1 pessoa

  • Ethan Edwards disse:

    A opinião de Reinach expressa a vitória do que se poderia chamar de “senso comum” da comunidade científica e política envolvida na luta contra a pandemia. (Com todo o respeito. Considero Fernando Reinach um admirável estudioso). É, com um ajuste aqui, outro ali, o que praticamente todo mundo que sabe ler acha, a esta altura do campeonato, depois de meses das mais variadas experiências – do fechamento total ao “laissez (le vírus) faire”.
    A solução existe, portanto (não é a solução “zero óbito”, mas esta, numa pandemia, é um delírio infantil). Estamos bloqueados por um impasse político em que o lado mais fraco – assim parece, até agora – é Bolsonaro. Esse impasse está empurrando o país para uma profunda recessão. Só posso torcer para que se resolva rapidamente, de maneira civilizada, antes que a barbárie se apresente.

    Curtir

  • cadu43 disse:

    Enviado do meu iPhone

    >

    Curtir

  • Herbert Sílvio Augusto Pinho Halbsgut disse:

    Interessante o artigo de Fernando Reinach. Conhecendo os brasileiros um pouquinho, fico na dúvida se não irá ocorrer um efeito trio elétrico, isto é, o povo já enclausurado verá alguns imunizados circulando pelas ruas e sairão atrás seguindo o rastro. A não ser que seja fabricado um selo na Casa da Moeda do Brasil – ainda existe? – para ser aplicado intransferivelmente na testa dos cidadãos que já estão imunes a esta forma atual do covid-l9 e cobrar multa alta dos que circularem desautorizados. Inventivos certamente aparecerão com perfeitas falsificações no mercado paralelo. Quanto tempo foi perdido em não se educar bem o povo brasileiro, todos.

    Curtir

    • Marcelo Alonso disse:

      Herbert a Casa da Moeda ainda existe e passa muito bem. Eu não tenho os números atualizados, mas em 2017 ela gastou R$ 8.000.000,00 com uma equipe de 22 médicos, 11 fisioterapeutas, 1 massoterapeuta, 2 dentistas, 2 psicólogos, 1 nutricionista, 1 farmacêutico, 9 enfermeiros, 3 técnicos de enfermagem, 5 recepcionistas e 7 motoristas para seus 2.000 funcionários. Esta equipe é maior do que a disponível para a população de 2.900 municípios brasileiros. Exemplo completo da privilegiatura que o Fernão tanto fala. Sds.

      Curtir

      • Herbert Sílvio Augusto Pinho Halbsgut disse:

        Trabalhadores que estão tão longe e tão perto da dinheirama que ali é produzida merecem… Deve ser uma tortura! Ninguém merece! Imagine o que pensaram quando viram toda aquela dinheirama que foi produzida ali para a Venezuela e que a inflação galopante de lá engoliu e parece que nem chegou a ser toda utilizada, sendo incinerada de tão desvalorizada.Há meses atrás ouvi um comentário em que se falava da privatização da Casa da Moeda do Brasil, que existe há séculos, talvez para evitar gastos. É lamentável ver também o que fizeram dos Correios e seu Fundo de pensões! Nossa República não é real. Agradeço-lhe a informação que enviou. Dá para citar a fonte. Diário Oficial da União?

        Curtir

  • José Luiz de Sanctis disse:

    Quem é o STF para autorizar ou desautorizar alguma coisa? Aquele antro joga junto com o Maia, o Alcolumbre e vários governadores e prefeitos para quebrar o país e trazer os petralhas de volta. Essa escória comente crime de lesa Pátria 24/7.

    Curtir

  • colateral disse:

    Todo este material é brilhante.Entretanto,o efitor6da “privilegiatura”(inspirado na “nomenclatura” de M.Djilas) é preciso e precioso.
    Já me convenci que essa ânsia do poder é uma tara inerente a nossa espécie.Algo incrustado em nossos genes.
    Trabalho pela sociedade, é considerado poesia dos utópicos,ou trouxas, infelizmente.
    Tem jeito não, Fernão Tem jeito não

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: