Da boniteza à precisão

23 de fevereiro de 2014 § 5 Comentários

a0

O dr. Mantega, no final desta semana, resolveu por de lado a varinha mágica e mudar de conversa. Vai deixar pra lá o papo “criativo” e cortar despesas como um bom menino, e coisa e tal…

Você poderia se perguntar se essa súbita conversão da área econômica de Dilma ao campo da verdade não será, ela própria, também uma mentira.

Claro que é. São, como sempre no caso das viradas para a boa direção ao longo de nossa história, mudanças pra inglês ver. A nossa sorte é que hoje em dia inglês vê antes e inglês vê mais.

A conversão de Dilma do desdém arrogante à sensibilidade prestimosa ao peso do julgamento internacional em véspera de eleição é uma sinalização fundamental, que nos diz duas coisas.

Primeiro, que a globalização existe, é principalmente a globalização das regras do jogo econômico, e tem sanções pesadas pra quem as viola.

Segundo que dona Dilma e seus índices descendentes estão balançando lá dentro do PT e ela está sem forças pra seguir “gerentonando” tudo do jeito que bem entender e distribuindo coices nas partes pudendas de quem ousar discordar.

Menos mal? É. Mas a turma que sempre incentivou o sapo barbudo a pular por boniteza agora está dizendo que ele tem de pular por precisão…

@@@

Delenda São Paulo

a5

Haddad, o huno, diz que vai desapropriar 7 mil imóveis em SP para “construir” os 150 km de corredores de ônibus que prometeu.

É o remendo empurrado goela abaixo do contribuinte a preço de alta costura; a quebração-de-galho promovida a solução; o provisório transformado em permanente.

Com o PT é assim: primeiro entopem o povo de carros (e de dívidas); depois proíbem-no de usa-los. Os carros multiplicados e as ruas divididas, os dois por dois.

São os unicos “urbanistas” do planeta a tirar os trens dos trilhos a que o resto da humanidade os confina pela mais óbvia e elementar razão de lógica e de segurança, e coloca-los nas ruas, em luta corporal contra automóveis, bicicletas e pedestres.

@@@

Está lá?

ac

A telefônica que o Lula mandou fazer para os seus sócios portugueses do mensalão (veja matéria aqui) – a Oi, que já foi Telemar, aquela que deu 5 milhas de presente pro Lulinha – está se dissolvendo.

Afogada em dívidas monumentais, vai se transformar em mais um “nunca antes na história deste planeta”: será a unica companhia de telefonia celular do mundo sem nenhuma torre de transmissão. Pôs a venda as ultimas duas mil que lhe restam e mais todos os imóveis da companhia.

Mesmo assim não vai bastar. E como a alma do negócio em organizações mafiosas é il capo di tutti capi reconfirmar até à morte que não esquece, nem de quem lhe tenha sido fiel, nem de quem lhe tenha sido infiel, Lula convocou a Previ, a Petros e a Funcef e enfiarem 600 milhões naquela arapuca e o BNDES (nós outros, os contribuintes) a queimar outros 700 milhões para mante-la em pé.

Solução final

aa1

A Receita Federal quer acorrentar a bola de ferro que impede a indústria nacional de sobreviver à competição estrangeira também aos pés dos “escravos” fugidos do Brasil.

A MP 627 determina que as empresas brasileiras que produzem em filiais fora do país com menos de 36% de imposto sobre o resultado paguem aqui a diferença entre essa porcentagem e o que lhes cobram lá fora.

No way out. Só emigrando mesmo…

@@@

Amor bandido

aaa1

Dona Dilma anuncia que o Brasil vai fazer duas hidrelétricas em consórcio com a Argentina.

Vão juntar uma estatal de cá – a Eletrobrás – a uma estatal de lá – a Ebisa – para erguer duas hidrelétricas sobre o Rio Uruguai.

Não tem jeito; quanto mais a Cristina bate mais a Dilma gama.

Imagine a festa dos empreiteiros! Imagine a festa dos concessionários!

Agora, kilowatt mesmo que é bom, vai ser “padrão Mercosul“: depois de pagar a festa, você vai ter de renegociar um por um com “los amigos” cada vez que pensar em acender a luz.

@@@

Bye, bye Amazônia

aaaa1

Manaus bateu Belo Horizonte e já é o terceiro município do Brasil em geração de empregos, depois de SP e RJ.

Vocês se lembram que entre as milhares de coisas que o PT já foi e deixou de ser estava “ser verde” quando isso era uma atitude “progressista” que servia como uma luva para sabotar todo e qualquer plano sério de desenvolvimento do Brasil?

Pois é…

Agora que dona Dilma vai eternizar a Zona Franca de Manaus do Zé Sarney (sim, ela continua sendo propriedade privada onde não se entra sem a assinatura dele) e construir aquelas hidrelétricas desastrosas todas que já encheram tanta gente de bilhões por lá, imagine o que vai virar.

Se o “pulmão do mundo” já foi empurrado até o canto em que está hoje só na moto-serra e na lamparina, imagine daqui pra frente…

@@@

Confraternização pelo esporte

ab

Dona Dilma anunciou anteontem que vai mandar 1400 soldados do Exército para cada cidade sede da Copa do Mundo com ordens de manter sob mira os manifestantes “contra”.

Vai ser uma Copa sob estado de sítio, como convém a uma festa de congraçamento internacional pelo esporte, mais uma inovação do petismo que “nunca antes na história deste planeta”…

Marcado:

§ 5 Respostas para Da boniteza à precisão

  • marito Cobucci disse:

    Em relação ao Dr. Mantega para quem “está tudo bem”, observo:

    Segundo o Presidente do FED em Dallas, Richard Fischer, a economia brasileira é considerada a mais problemática dentre os emergentes Cingapura, Coreia do Sul e México, auxiliados com linha especial de crédito pelo Banco Central Norte-Americano durante a crise em 2008. A mesma preocupação foi levantada recentemente pelo FMI e pela nova Presidente do FED Janet Yellen em seu discurso de posse. Aos empresários brasileiros falta confiança aos investimentos geradores de riqueza e os indicadores econômicos ratificam dessa desconfiança, investidores do exterior só interessam pelos juros, aliás os mais altos do mundo para aplicações “carry trade” , mesmo assim para o Ministro Mantega está tudo sob controle, o que vale dizer de que o governo petista de dona Dilma patrocina-se por um ambiente cujos elementos que preponderam são, alienação, esquerdismo, corrupção e incompetência.

    Curtir

  • Segundo pesquisa recente ela ganharia já no primeiro turno, Deus nos ajude!

    Curtir

  • marito Cobucci disse:

    Infelizmente assim como o Congresso pesquisas são amostragens da sociedade. Por outro lado sabemos que elas, as pesquisas, dão margem a indução às respostas pretendidas. Precisa ter muito cuidado principalmente neste início de campanha da oposição, uma vez que o PT iniciou desde a posse do Lula. Depois de um certo tempo entre as várias que serão apresentadas vale conferir da consistência e persistência dos indicadores gráficos. É aí que interessa e onde mora o perigo!

    Curtir

  • Ari disse:

    Fernão, parece que vc pulou a questão da influência jesuítica; ou a terá exposto com uma sutileza que não alcancei?
    Aproveitando, segue dica de um documentário fantástico, sensacional, imperdível: http://youtu.be/3JlLbxJpyWk

    Curtir

  • flm disse:

    os jesuitas virão. se eu tiver de viajar amanha, só na terça, senão amanhã mesmo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Da boniteza à precisão no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: