John Lennon e a ditadura preventiva

24 de agosto de 2021 § 63 Comentários

A vida é o que realmente acontece enquanto você faz planos para a sua vida”.

O cidadão brasileiro descobrirá tarde demais o significado do truísmo de John Lennon. Aliás, o cidadão brasileiro não digo porque ha uma enorme fatia deles que entende o logro que lhe estão impondo e se põe cada dia mais desesperada e perigosamente indignada. Mas a legião dos otários fundamentais. Aquela que engole com casca e tudo essa “ditadura preventiva da ditadura” que está aí. E o pior é que “os planos de vida” desta não eram nem mesmo os dela. Martelada desde o nascimento, sem memória viva do que lhe vendem como “História”, ou com o cérebro reduzido à inércia da escola à faculdade “maturado” na televisão – só tragando, tragando, tragando… – ela compra do jeitinho que lhe é vendida a dos camelôs do STF:

Olha a democracia! Olha o estado de direito! Não requer prática nem tampouco habilidade! Está escrito na Constituição…” E lá vão eles, como boas reses na fila do cutelo do matadouro, engolindo o que quer que se lhes enfie como sendo isso, ate mesmo o que nem naquela constituição dela, feita por ela e para ela a privilegiatura jamais ousou assentar, preto sobre o branco, longe que estava ainda o limite da vergonha de 1988 deste de 2021!

Assim é que censura-se, prende-se e arrebenta-se políticos eleitos, jornalistas e advogados de defesa sem julgamento “para prevenir que se venha a censurar, prender e arrebentar sem o devido processo um dia”; apaga-se, à discrição do dr. Alexandre, parcelas inteiras do eleitorado brasileiro; des-condenam-se os ladrões pela roubalheira que houve e se os põem a julgar e condenar a “roubalheira” que não chegou a haver; quanto mais recordes bate a vacinação, mais agressiva se torna a CPI do “atraso genocida da vacinação”; se não sai a verba da obra contra a miséria é crime contra o povo, se sai é crime eleitoreiro…

Não tem acerto entre esse lobo e esse cordeiro.

A luta contra o privilégio de mamar no Estado passou a eleger? Proíba-se todo candidato, senão os financiados pelo Estado. Não dá pra evitar que o outro lado também use a lei da ditadura? Proíba-se a lei da ditadura (finalmente!) mas siga-se prendendo o outro lado sem lei. Tem gente escapando da estatização das campanhas? Tem eleitor pagando para ouvir mais que a mentira oficial? Proíba-se a “monetização” do discurso do inimigo…

Está, portanto, legalizado o fuzilamento econômico. Todo mundo já toma o maior cuidado com o que diz. O que restará por fazer depois de “tomada a eleição”: legalizar o fuzilamento físico?

Os militares – e eu estou de prova porque estava lá – andaram bem mais devagar! Só aceitaram a guerra dessa mesma gente depois do 19º assassinato perpetrado por ela. Mas a imprensa “maior de idade” inteira, desde a que sofreu esse tipo de ataque do regime militar e de Getulio Vargas antes dele e resistiu heroicamente aos dois, agora aplaude que façam com os outros a mesma coisa que fizeram com ela. Não é atoa que já está em curso a diáspora brasileira…

Não chega a ser novidade. A imprensa velha “virou casaca” no mundo inteiro. É que grandeza não é hereditária. E por isso mesmo ofende. Existem indivíduos cujo heroísmo inicia as grandes sagas … que seus sucessores, arquetipicamente, no rancor da sua pequenez, cuidarão sempre de destruir. É da nossa espécie. Houve progresso, até! Antes das revoluções democráticas a lei condenava povos inteiros a suportar a pequenez dos herdeiros dos grandes conquistadores e reis do mesmo jeito que a Lei das SA ainda faz com as empresas dos grandes empreendedores e com os jornais dos grandes jornalistas.

O século 20 foi o dos grandes jornais e dos grandes jornalistas. O 21 é o da vingança dos pequenos. O sofrimento e a internet hão de engendrar novos, mas vai levar tempo. Até lá a democracia, filha da tolerância e da liberdade de informação, passará por mais um estado de coma como os dois primeiros que já atravessou na História com registro. Desta vez será mais rápido, é certo. Mas também estão dadas todas as condições técnicas pra que seja muito mais violento.

Quem viver verá. Mas, John Lennon por John Lennon, seria bem melhor “dar uma chance à paz”…

§ 63 Respostas para John Lennon e a ditadura preventiva

  • A.(sno) disse:

    Herói da Classe Trabalhadora – (Working Class Hero) – (John Lennon)

    Logo que você nasce, fazem você se sentir pequeno
    Não lhe dando coisa alguma, nem sequer tempo
    Até que a dor é tão grande que você não sente mais nada
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser
    Magoam você em casa e te batem na escola
    Eles te odeiam se você é esperto, desprezam se é um idiota.
    Até que você esteja tão louco que não consiga seguir as regras deles
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser

    Após te torturarem e assustarem por vinte estranhos anos,
    Então esperam que você escolha uma carreira,
    Quando você não consegue mais funcionar, está tão cheio de medo.
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser

    Mantendo você dopado com religião, sexo e TV
    Você pensa que você é tão esperto, sem classe e livre
    Mas você continua sendo apenas um plebeu fodido até onde consigo ver.
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser

    Há um lugar ao sol, eles continuam a te dizer
    Mas primeiro você precisa aprender como sorrir enquanto mata.
    Se você quer ser como o povo do topo do monte
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser
    Um herói da classe trabalhadora é algo para ser

    Se quiser ser um herói, bem, apenas me siga
    Se quiser ser um herói, bem, apenas me siga.

    Curtir

  • Newton disse:

    Leitores, bom dia.

    Usando da prerrogativa de liberdade plena e absoluta de expressão que os senhores aqui do blog defendem (e eu defendo também, mas com limites que todos os cidadãos de bom senso entendem, não se façam de rogados):

    1. A prisão do Dep.Federal Daniel Silveira (agora domiciliar) foi solicitada pela PGR, ordenada pelo STF e ratificada pelo plenário da Câmara.

    2. O afastamento do comandante da PM em atividade, é absolutamente correta de acordo com o regulamento da Corporação.

    Quanto à outros atos (bloqueio em redes sociais, inquérito sobre fake-news sem fato determinado) entendo que há sim um certo exagero.

    Obrigado.

    Curtir

  • Carlos Pinaffi disse:

    A corda arrebentou, e não foi do lado mais fraco. O lado forte da história, o povo , tem que reagir e exigir a parada já desta ditadura vergonhosa a que estamos submetidos.

    Curtir

  • rubirodrigues disse:

    Ditadura preventiva é ótimo. No tempo da minha escola preventivo era o planejamento. Mas quando não se sabe o destino, realmente não adianta planejar. Ditadura preventiva é típico de nossa época pós-moderna de mentes presas à quarta dimensão do tempo, na qual só se percebe o interminável conflito do ser com suas circunstâncias e a única salvação é a entropia que nos aguarda depois da esquina. Onde perdemos a fleuma e a dignidade do grego clássico que não permitia ao escravo ir a guerra porque a defesa da pátria, das mulheres, dos templos e dos túmulos dos ancestrais, era responsabilidade sua. O espírito crítico e dialético dos nossos intelectuais os levou a considerar o povo conservador que sustenta seus “templos à educação”, ignorantes e inimigos, porque querem preservar suas famílias e sua religião. Um tal período civilizatório não pode realmente perdurar.

    Curtir

    • A.(sno) disse:

      Dúvida: entropia é salvação??? Onde? Como? Quando?

      Curtir

      • rubirodrigues disse:

        A morte! Por isso que são todos azedos e sem esperança.

        Curtir

      • A.(sno) disse:

        O sr. também é “azedo e sem esperança”? Não deveria divulgar o oposto e descobrir uma saída?

        Curtir

      • rubirodrigues disse:

        A. Não faço outra coisa na vida do que tentar encontrar um meio de divulgar o modo platônico de pensar que consegue vislumbrar o todo e por isso supera as ideologias das partes. Somente na unidade do todo as partes entram em repouso. Saída existe, está registrada, disponível na rede para todos, mas ninguém acredita em ninguém e quando descobre que para chegar lá precisa estudar, o mais comum e deixar pra lá. Visite https://segundasfilosoficas.org/ se o teu caso for diferente.

        Curtir

      • P. (murano) disse:

        Indistinto (sna), permita-me a ousadia de tratamento pelo primeiro nome que assina; retomando:

        “Seu” A., lendo suas respostas à pedra enganada pela vida como sendo rara e preciosa — custou-me –, passei a notar semelhante vocação sarcástica na veia humorística.

        Curtir

  • ELEO disse:

    Queria ouvir do Fernão claramente sua opinião sobre o governo Bolsonaro. A democracia é multifacetada e um bom escritor consegue falar desgraças sobre alguns aspectos para cobrir os erros principais.

    Curtir

  • Jackson Blecker disse:

    Entendo o momento atual como a tempestade perfeita da dissonância cognitiva da população brasileira, educada de forma ineficaz e safadamente para serem imbecís uteis satisfazendo assim a absurda arrogância, ego envenenado, culto à personalidade e distanciamento da realidade da privelegiatura instalada no Judiciario, Legislativo, Mídia, Executivo, Oligarcas Privados e Fincionalismo público em geral.
    O Povo será espremido, sufocado e roubado até o ponto de ruptura, sempre vai existir o ponto de ruptura é pura física.

    Curtir

    • Fernão disse:

      Indiscutivelmente a conspiração educacional tem a ver com a perfeição dessa tempestade. Gramsci nunca sonhou com um sucesso tão completo quanto o do Brasil…

      Curtir

      • Jackson Blecker disse:

        Dar educação imbecilizada não é só privilégio socialista, também as monarquias ibéricas, o catolicismo, as castas exploradoras da força de trabalho e aqueles que julgam o capitalismo somente por ganhos das subprimes, contribuem em muito para isso. É melhor samba, futebol, novela e novena ao povo manso e eleitor.

        Curtir

      • Fernão disse:

        Sim. Não se sofre 400 anos de monopólio jesuíta contrareformista na educação impunemente.

        Curtir

      • Paulo Murano disse:

        Ei, depois do porre com a realidade vc sempre apaga seus feitos-luz? Tem receio que sentimentos humanos revelem não haver semideuses entre humanos nesta era?

        Curtir

  • Paulo Murano disse:

    Exato! Fatos e reais estão em patamar acima de raciocínios rocamolescas — “palavrório” para confundir e enaltecer asnos.

    Curtir

    • Paulo Murano disse:

      Curtir

    • PAULO MURANO disse:

      Satisfação por não pertencer à classe e idiotice daqueles que aqui comentam e aos que tanta merda julgam os idiotas capazer de comer para reciclagem e nela chafurdarem-se igual vespa-mãe que caga em público crente que não há olhos capazes de diferencias pregas de cú de sinapses.

      Curtir

      • Paulo Murano disse:

        Paixão real pela vida = Verdade. Pensem antes de tropeçar.

        Recomendo duvidar — SEMPRE — das intenções da vespa-mãe que aqui busca influenciar capacidades mentais sem que saibamos intenções desse esforço.

        Acertos e desacertos de entendimento do leitor são classificados conforme conveniência indefectível da vespa-mãe.

        Mais alguém percebe as sutilezas que observo??

        Curtir

      • Paulo Murano disse:

        Leiam com criticismo os escritos acima — textos do “dono do espaço” e de leitores comentaristas. Talvez, mentes atentas percebam conflito; outras ao de acordar com a tempestade.

        Curtir

      • Paulo M disse:

        “hão de acordar com a ..”

        Curtir

      • A.(sno) Lambedor disse:

        “Sutilezas que observo” – Agora que eu notei que o sr. é um humorista!
        Péssimo. Mas humorista…

        Curtir

  • Newton disse:

    Paulo, bom dia.

    Não vejo necessidade de ofender quem comenta, por causa da opinião divergente ou mesmo a “babação de ovo” ao titular. O canal é dele e pronto.

    Já tentei debater aqui (os comentaristas são uma casta de seletos “mesmos”… já notei sim) mas não é possivel. Não tenho o nivel intelectual deles e nem o discernimento sócio-politico-filosófico, Agora, vez por outra manifesto minha opinião, e pronto.

    Quanto ao host e titular deste sítio, faria melhor ao país escrever no império da sua família, que eu assino e leio diáriamente há 33 anos, do que escrever aqui de forma quase secreta para meia duzia de “privilegiados”.

    Mesmo assim, voltando ao início, não justifica ofensas, atacar a mensagem ou os leitores.

    Grande abraço.

    Curtir

    • Newton disse:

      OK Fernão, óbviamente há pontos que só você sabe por se tratar de membro da família. Porém, que continua sendo a maior potência jornalística em produção de conteúdo, investigação e reportagem deste Brasil, não tenho dúvidas, De alcance e influência nacional e internacional.

      Curtir

    • Paulo Murano disse:

      Oi Newton, responda-me:

      — Como respeitar e considerar as opiniões de um ser que manipula fatos e realidade de maneira que armonizem com a demência pessoal?

      O dono do espaço apaga comentários pessoais — aqui, três deles por Fernão foram excluídos — por revelar indefectível e nobre condição de ser mais um ser human

      Curtir

    • Paulo Murano disse:

      Ser grosseiro é a única forma de acordar essa gente que conhece história, política, filosofia, etc
      , e duvido entendam o sentido/razão do saber humano acumulado.

      Gente assim, só acorda com porrada verbal direta ou nunca será além da própria fantasia e lambedores de bolas que justifiquem existência. ESTÁ ERRADO Fernão, vc é humano vulgar e longe de semi-deus.

      Curtir

    • Paulo@ceppan.com.br disse:

      Bora acordar..

      Curtir

    • Paulo Murano disse:

      O rei de si está nú e informados sinceros reconhecem a estupidez da vespa e sua corte que em 30 anos ou menos serão letras em lápides pouso de insetos e caminho para formigas — dignas e reais substitutas de imbecís.

      Curtir

      • A.(sno) Lambedor disse:

        “Se beber, não dirija!”
        – Nem faça comentários. Principalmente depois de duas da madruga… (neurônios precisam de descanso – menos os meus, que não trabalham!)

        Curtir

      • Paulo Murano disse:

        Querido, os reais asnos dormem em sono profundo, sobrevivemos. O pântano é só deles, por mais que o inusitado da vida real os deixe acuados e cagados.

        Curtir

  • Pedro Marcelo disse:

    Apocalipse está próximo para transformar corações e mentes.
    Conheceis a verdade e a verdade vos libertará.
    Está caindo o véu dos mentirosos e hipócritas…Quem são os verdadeiros genocidas, corruptos,criminosos, antidemocráticos, facistas e traidores que agem com autoritarismo e em desfavor do povo e à margem da Constituição Federal
    .
    Se o povo não assumir o protagonismo dessa história terá que reverenciar a escravidão do establisment antipatriota

    Curtir

  • Pedro Marcelo disse:

    Dia 7 de setembro de 2021 está logo aí, poderá ser o novo marco da virada.

    Curtir

    • Jackson Blecker disse:

      Pedro tomara você tenha razão com relação ao dia 07 e comece efetivamente nossa independência.
      Como mencionei em meu comentário acima existe um ponto de ruptura em toda a sociedade, mas conhecendo a história do Brasil tenho minhas dúvidas se é chegada a hora e também nosso povo não é chegado a um esforço para lutar pela sua liberdade ou simplesmente votar num político honesto, é mais fácil ganhar 50 paus do que um futuro melhor.
      Tomara que eu não tenha uma percepção errada e as ruas recebam muitos brasileiros para defenderem suas liberdades e direitos, vou estar lá.

      Curtir

  • GATO disse:

    Bom dia caros amigos da Rede Bobo, que enganei na casca de um ovo.
    Vou estar lá também, mas com um cartaz pedindo a devolução da gestão a Portugal, quem sabe com um retorno as raízes quando aqueles que protestam demais são enforcados e esquartejados em praça pública, chega de bla,bla,bla, se é pra ser talibã comecem a agir logo. Nem esperem o sete, comecem no vinte sete. Surpresa é uma ótima estratégia. Como só tem bufão vamos lá meu irmão. Cachorro que ladra não morde, basta bater o pé que ele corre.

    Curtir

      • Paulo@ceppan.com.br disse:

        E reafirmo

        Curtir

      • Gafanhoto do Espaço disse:

        Exato!

        Curtir

      • rubirodrigues disse:

        O comentarista da BandNews esqueceu de mencionar que com bandido que saqueia o povo não cabe disputa, a não ser que você queira “competir” no butim. Bandido é sim inimigo e precisa ser combatido. Para esse “gênio” analista, urna fraudável, 80% de eleitos por legenda, compra sem licitação, togado fazendo política, juiz legislando, agente público federal boicotando a governança federal, o custo da justiça e do legislativo, os privilégios obscenos, etc. etc., são atitudes democráticas que a população tem obrigação de tolerar. Sei!

        Curtir

      • A.(sno) Lambedor disse:

        E ontem à noite, “seu” Rubi, a Band estava mostrando a delegação CHINESA nos jogos paralímpicos de Tokio. Pra agradar os “novos patrões”… (já exibem reportagens mostrando a China há um bom tempo)

        Curtir

      • Paulo Murano disse:

        Bora saudar os chineses — reconquistaram, com louvor, posição histórica de povo primeiro do mundo!

        Curtir

      • Paulo Murano disse:

        Aos jovens, recomendo aprender mandarim escrito e treino persistente nas variações fonéticas — prá melhor participar do novo mundo (Darwin recomenda).

        Curtir

      • A.(sno) Lambedor disse:

        Darwin ressuscitou?????????

        Curtir

      • Paulo M disse:

        É imortal.

        Curtir

      • A.(sno) Lambedor disse:

        Da ABL?

        Curtir

      • A.(sno) Lambedor disse:

        Eu perco meu tempo com o sr. Mas que dizer do sr., que perde seu tempo respondendo a um asno?

        Curtir

      • Paulo M disse:

        Ambos carentes?

        Curtir

      • A.(sno) Lambedor disse:

        Sem dúvidas! Mas de quê? Essa é a questão…

        Curtir

      • A.(sno) Lambedor Carente disse:

        E UMA das inúmeras diferenças entre nós dois é que eu não procuro compensação na área de comentários. E às custas de ofender o dono do blog e outros comentaristas!

        Curtir

      • Paulo Murano disse:

        É tudo, sempre, uma questão de costumes. Cobrindo o circo a lona da mentira sob a qual acostumaram-se em convivência sentimentos e pensamentos.

        Lá fora, formigueiros. Movimenta-se o mundo perfeitamente natural. Vencer a mesmice é busca da ação humana em circos.

        Curtir

      • Paulo M disse:

        E eu e o senhor carentes de verdade com as pernas abertas forçando os pés entre mundos.

        Curtir

    • Paulo Murano disse:

      Querido, os asnos dormem em sono profundamente e nós buscamos a sobrevivência neste mundo girante tornando-se inóspito. O pântano é cuidadosa criação para outros deles preservarem. Ferramentas tresloucadas são admiradas pela capacidade atrativa de mentes aos milhões. Expertise
      vulgar atraindo doutores e pseudos daqui. Neste sítio, expressam treinamento de proteção desnecessária para criações equivocadas — o resultado do rolo compressor natural será impossivel testemunharem. E novas gerações de vida humana persistentes agradecerão esforço de pré-históricos pós pré-modernistas PERSISTENTES.

      E tenho dito! Existência aparentemente pífia de camaleões e outras vidas nobre não dotada de livre arbítrio é necessudade e curso natural da vida.

      inusitados acuados e cagados de berço não entendem, mas cedem espaço, incapazes de conter a vida brotando sob falhas do concreto de propriedades previsíveis que os engana para riso celestial.

      Curtir

  • Gafanhoto do Espaço disse:

    No Brasil, comentários não se esgotam. Portanto, aqui vai mais um:

    “Quando falamos de história, temos o costume de nos refugiar no passado. É nele que se pensa encontrar o seu começo e o seu fim. Na realidade, é o inverso: a história começa hoje e continua amanhã.”
    (D.N. Marinotis)

    Curtir

  • Paulo Murano disse:

    Ao tico e teco da vespa-mãe, crente no poder transformador de “fakes news”, faço aqui 60 tornarem-se 61 comentários depreciativos a olhos de analistas com compreensão superior.

    Resta-me a condição de péssimo humorista, apenas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento John Lennon e a ditadura preventiva no VESPEIRO.

Meta

%d blogueiros gostam disto: