Da São Paulo bloqueada para o Brasil: eu sou você amanhã

24 de maio de 2012 § 1 Comentário

A greve do Metro de São Paulo ontem, que chega na esteira de uma misteriosa epidemia de “panes” no sistema que costuma se manifestar em vésperas de eleições, é apenas uma amostra do que vai acontecer no país no dia em que a máquina do Estado brasileiro virar “oposição”.

Se pedir aumento de 15% acima da inflação de modo a garantir um “não” e partir para uma greve selvagem assim que ele foi pronunciado pela primeira vez sem sequer tentar negociar não é prova suficiente de que tudo não passa de fabricação de munição para debates eleitorais onde o Metro aparecerá como a maior obra do PSDB no país da infraestrutura zero, o grupinho fascista que invadiu as assembleias da categoria ontem para impedir votações para a retomada do trabalho e manter a greve na marra é.

Depois da debandada da esquerda honesta que se precipitou quando Lula abraçou ostensivamente os sarneys e os collors da vida, sobrou o funcionalismo público e as máfias sindicais cevadas no dinheiro do Estado na militância do PT.

Hoje eles estão no poder e nadando de braçada nas costas do Brasil.

Não é atoa que a renda per capita de Brasília disparou para alturas jamais sonhadas pelos novos quase remediados aqui de fora a quem eles atiram as migalhas da festança.

Mas, se mesmo com a máquina pública remando a favor o desempenho do governo petista é o desastre que se reflete na infraestrutura sucatada que vai expulsando a industria brasileira do mercado mundial e na predação generalizada a que ficaram reduzidas as ditas “obras da Copa”, imagine quando ela estiver jogando contra.

São Paulo tem pago o preço de não se dobrar ao PT.

Um dia o resto do Brasil também se cansará de faze-lo. E então veremos o confronto aberto do Estado petista com a Nação.

Marcado:, , , , , , , , , , , , , , ,

§ Uma Resposta para Da São Paulo bloqueada para o Brasil: eu sou você amanhã

  • Varlice disse:

    “O preço da liberdade é a eterna vigilância”.
    Thomas Jefferson

    O estado de São Paulo não poderia agir de outra maneira, ao prezar o lema de sua bandeira – ‘non ducor, duco’ – e, mais uma vez, dar bom exemplo ao resto do país.
    Dá trabalho e exige atenção, prática e muita habilidade o ser livre – de conchavos, ‘malfeitos’, prevaricações, carcinomas que atendem por identidade e semelhança com a abjeção chamada Lula
    E não poderia ser diferente porque a liberdade (assim como o ar que respiramos) é imprescindível para a integridade humana.
    Uma questão de tempo, quando as ilusões e mentiras petistas se desintegrarem em poeira da pior qualidade, para que todos os estados adiram ao comportamento exemplar de São Paulo. Até lá – e enquanto isso – faremos o que tem de ser feito.
    Simples assim.
    Como já lhe escrevi antes, eles não passarão.
    Abs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Da São Paulo bloqueada para o Brasil: eu sou você amanhã no VESPEIRO.

meta

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.709 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: